agencia

Notícias

Atualizado em 22/10/2015 às 20h52

Prefeitura entrega primeira etapa da revitalização da Praça do Pescador

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeito Edivaldo entrega Praça do Pescador revitalizadaO prefeito Edivaldo entregou na tarde desta quinta-feira (22) a primeira etapa da obra de revitalização da Praça do Pescador, no Portinho. A requalificação da praça devolve à cidade, principalmente aos moradores dos bairros do Desterro, Praia Grande e adjacências, a oportunidade da convivência social e de desenvolvimento de atividades esportivas em total segurança. A praça ganhou equipamentos da academia da saúde, pista de cooper e atletismo, quadra poliesportiva e paisagismo. A segunda etapa da obra será entregue no início do próximo ano. 

"Aqui, antes dessa obra, era um espaço de vulnerabilidade social. Estamos devolvendo para a comunidade um espaço de lazer, onde os moradores, principalmente as crianças, vão encontrar condições para praticar de esporte, além de espaço de convívio comunitário", disse o prefeito Edivaldo.

Um painel foi pintado por crianças e jovens da própria comunidade do Desterro, que, durante a semana, participaram de oficina de arte urbana com o grupo Porcolitos e com o escritório escola de Arquitetura do Ceuma. "Era necessário trabalhar um processo de reaproximação da comunidade com aquele espaço, especialmente dos jovens, realizar atividades de educação patrimonial para reforçar o sentimento de pertencimento do local, além de atividades para uso sustentável do espaço. Eles pintaram o painel com elementos do bairro, elementos do cotidiano deles e, de certo modo, eles vão ter um outro olhar sobre aquele espaço público ", disse o presidente da Fundação Municipal de Patrimônio Histórico, Aquiles Andrade.

Durante a cerimônia de entrega da praça, o prefeito Edivaldo aproveitou para agradecer as parcerias que têm possibilitado a realização de obras necessárias para melhoria da infraestrutura da cidade. Ele destacou a parceria com o governo federal, por meio da Superintendência do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), e com o governo do Estado na devolução do espaço de lazer a toda São Luís, especialmente ao bairro do Desterro e adjacências. A obra de requalificação da praça, com custo de R$ 150 mil, é fruto de compensação ambiental.

Para a presidente do Iphan, Jurema Machado, a obra de requalificação da praça do Desterro consolida uma estratégia de valorização do Centro Histórico, principalmente por reforçar o espaço de moradia. "Essa é a primeira vez que participo de uma solenidade com uma paisagem e brisa com toda essa beleza", disse Jurema Machado. Segundo Jurema, a requalificação da Praça do Pescador confirma a possibilidade de preservação do patrimônio que deixa os edifícios e vai para as ruas. Jurema Machado confirmou ainda que em breve São Luís ganhará quatro novas praças requalificadas como parte do PAC Cidades Históricas.

Na ocasião, a superintendente Kátia Bogea anunciou a assinatura da segunda etapa de requalificação da Praça do Pescador. De saída do órgão, a superintendente do Iphan elogiou o entusiasmo do prefeito Edivaldo para obras de restauração. "O Desterro é o bastião do centro. Essa praça é fruto de uma compensação ambiental, da responsabilidade social de uma empresa. Por isso, agradecimentos publicamente a empresa Escudo. Tivemos apoio incondicional do prefeito. No processo tivemos o envolvimento das crianças, o que é maravilhoso", destacou a superintendente.

O secretário de estado da Cultura, Felipe Camarão, representou o governador Flávio Dino na solenidade e disse que - como presidente da Fundação da Memória Republicana - vislumbra melhoria do ambiente de maneira geral com a devolução de mais uma área de lazer no Centro Histórico.

Da solenidade participaram a presidente do Iphan, Jurema Machado, a superintendência da Iphan, Kátia Bogea, o secretário de estado da Cultura, Felipe Camarão, secretários municipais e estaduais, vereadores de São Luís, empresários e líderes comunitários como Denys Castro, presidente da União de Moradores do Centro Histórico.

SEGURANÇA

O subprefeito do Centro Histórico, Fábio Henrique Carvalho, garantiu que na próxima segunda-feira (26), o posto de policiamento comunitário estará instalado na praça. Fábio Henrique disse que a ação de segurança será norteada pela parceria com a comunidade para que, assim, os resultados sejam otimizados.

A Praça do Pescador será monitorada por câmeras da Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania (Semusc). O monitoramento é enviado diretamente ao Gabinete de Gestão Integrada Municipal, onde as informações são repassadas aos Guardas Municipais que atuam no local, por meio do programa do governo federal, "Crack, é possível vencer!", lançado em São Luís em junho.

ASSISTÊNCIA
A assistência aos antigos frequentadores da Praça do Pescador está sendo feita por meio do Consultório de Rua. O consultório estacionado em frente à praça tem atendido as quintas e sextas-feiras usuários e pessoas em situação de rua. Uma equipe multidisciplinar formada por psicólogo, assistente social, terapeuta ocupacional e técnico em enfermagem fica responsável pelo atendimento que se inicia normalmente à uma da tarde. O atendimento se estende até 22h.

À noite, são oferecidas consultas com a presença de um médico. O Consultório na Rua tem permanecido em locais da cidade onde foi detectada concentração de usuários de drogas. Além do Desterro e Centro, o veículo equipado tem atendido também populações localizadas na região da Deodoro e João Paulo. Além da assistência médica, o atendimento tem se estendido para o encaminhamento de retirada de documentos, cartões do SUS, entre outros serviços.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem