agencia

Notícias

Atualizado em 29/09/2014 às 10h49

Prefeitura anuncia reforço da segurança em feiras e mercados

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

A Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa), solicitou à Polícia Militar reforço na segurança de feiras e mercados da capital. Inicialmente, postos de segurança foram implantados nos mercados da Cohab, Mercado Central e Liberdade. A proposta será estendida a outros 25 mercados e 30 feiras.

O titular da Semapa, Marcelo Coelho, explicou que o policiamento vai garantir tanto a segurança dos trabalhadores e das pessoas que frequentam as feiras e os mercados, quanto de áreas adjacentes. "Trabalharemos intensamente para reduzir os índices de violência no entorno das feiras e mercados sob nossa responsabilidade. Nosso objetivo é preservar o direito das pessoas saírem de casa para garantir o seu sustento ou para realizar as suas compras", destacou o secretário.

A implantação dos postos de segurança do Comando de Policiamento Urbano garantiu a presença de policiais fixos e a ronda em viaturas e motos para patrulhamento dos locais e do entorno. Novas estratégias serão desenvolvidas para que outras ações sejam colocadas em prática. A realização de vistorias para a apreensão de armas brancas e a retirada de usuários de drogas estão entre as atividades previstas para o reforço da segurança.

Para a superintendente de comercialização e abastecimento da Semapa, Cristiane Guedelha, existe uma grande circulação de pessoas e dinheiro nas feiras e mercados e, por isso, há a necessidade de um reforço no policiamento. "A presença da polícia transmite aos trabalhadores e aos clientes uma sensação de maior segurança. O policiamento coíbe a prática da violência, inclusive, nas proximidades das feiras e mercados, onde há grande circulação de pessoas", afirmou.

Outra ação que vem sendo desenvolvida pela Prefeitura para minimizar os índices de violência nas feiras e mercados e nas áreas adjacentes é a instalação de câmeras de segurança. Nos mercados onde os equipamentos foram implantados, os resultados já começaram a ser contabilizados.