agencia

Notícias

Atualizado em 11/03/2016 às 17h42

Prefeitura busca parcerias para Casa do Bairro

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura busca parcerias para Casa do BairroInaugurada em janeiro deste ano pelo prefeito Edivaldo, a Casa do Bairro funciona como um elo da comunidade do Centro Histórico com o restante da sociedade civil. Com 250 metros quadrados, localizada na rua da Palma, o local tende a se transformar em um espaço de revitalização. Nesse sentido, a Casa do Bairro abriu as portas e janelas para recebimento de propostas de voluntários, instituições ou do setor empresarial que desejarem utilizar o espaço para promoção de cursos de qualificação ou atividades que contribuam com a cidadania.

As propostas encaminhadas serão primeiramente avaliadas por uma equipe formada por técnicos da Fundação Municipal de Patrimônio Histórico (Fumph) e das secretarias municipais da Saúde (Semus); Criança e Assistência Social (Semcas), e da Segurança Cidadã (Semusc), que compõem o núcleo administrativo da Casa. Inicialmente, os gestos voluntários partiram dos próprios moradores das comunidades vizinhas com propostas de oficinas.

No caso da proposta apresentada vir a ser aprovada pela equipe técnica, a Casa fica responsável pela mobilização, inscrição e seleção das pessoas. A intenção é oferecer um leque de atividades que atenda a crianças, jovens, idosos e mulheres, clientela majoritária entre os moradores dos três bairros.

"As organizações sociais ou instituições privadas que desenvolvam algum trabalho de fortalecimento social no Centro, podem procurar a Casa do Bairro. É uma oportunidade para ser inserido no nosso plano de trabalho", relembrou o titular da Fumph, Aquiles Andrade.

PARCERIAS

Com as instituições que gravitam no mesmo espaço do Centro Histórico houve avanços na elaboração de uma programação de oficinas e cursos. Dentro dos próximos dias será iniciado curso de francês, promovido pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Ifma), e para breve haverá atividades em conjunto com a Fundação da Memória Republicana, ambas localizadas nas proximidades da Casa do Bairro. A programação será complementada ainda pelo curso de zumba, promovido pela Secretaria Municipal de Desportos e Lazer (Semdel). A Casa do Bairro oferece oficinas de sensibilização, educação patrimonial e vivências.

Segundo Aquiles, a Fundação e as três secretarias da administração municipal pretendem buscar parceiros que contribuam com interesse reciproco. A experiência inicial com a Telefônica, empresa do ramo da comunicação, parceria da Fumph que disponibilizou equipamentos de cozinha, possibilitou a realização de cursos.

"Se uma pessoa do bairro da Madre Deus nos procurar para ser voluntária, com certeza será integrada à equipe. O que importa é o resultado. Isso acontecerá com pessoas de qualquer canto da cidade", avisa o presidente Fumph.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem