agencia

Notícias

Atualizado em 29/04/2016 às 16h07

Prefeituras de São Luís e Ribamar realizam ação conjunta de combate ao mosquito Aedes aegypti

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeituras de São Luís e Ribamar realizam ação conjunta de combate ao mosquito Aedes aegyptiAs prefeituras de São Luís e de São José de Ribamar realizaram nesta sexta-feira (29) uma ação de combate ao mosquito Aedes Aegypti. A ação, que incluiu visitas domiciliares e atividades de limpeza, aconteceu na região do Cohatrac. Presentes à abertura dos trabalhos, os prefeitos Edivaldo e Gil Cutrim celebraram a concretização da parceria entre os dois municípios. O mutirão foi a primeira das atividades que compõem um plano de ação a ser executado em áreas limítrofes entre os dois municípios.

"Hoje estamos concretizando o início dessa parceria. Os municípios de São Luís e São José de Ribamar realizam este projeto em prol da população. De mãos dadas com os moradores, oficializamos o início das ações que serão realizadas conjuntamente com o prefeito Gil Cutrim. Esse é apenas o primeiro de muitos trabalhos que serão desempenhados em parceria", afirmou o prefeito Edivaldo.

O prefeito de São José de Ribamar, Gil Cutrim, também destacou a importância da ação. "Esse foi um trabalho planejado com o intuito de reduzir custos e unir forças para beneficiar, com a oferta de serviços de qualidade, moradores da área metropolitana. Essa é uma união que demonstra o nosso compromisso e respeito com a população", disse.

A parceria entre os prefeitos Edivaldo e Gil Cutrim será consolidada em um termo de cooperação técnica que será assinado em maio. A partir da assinatura do termo, as prefeituras estenderão as ações metropolitanas para outros setores da administração, como infraestrutura e iluminação pública.

O secretário municipal de Articulação e Desenvolvimento Metropolitano de São Luís, Júlio César Marques, enfatizou que a parceria renderá outros resultados positivos. "Além da assinatura do termo de cooperação, será criado um comitê técnico com representantes dos dois municípios com o objetivo de planejar outras ações conjuntas", afirmou.

COMUNIDADE

Além das visitas domiciliares com abordagens educativas e das atividades de limpeza, as prefeituras realizaram inspeção e tratamento de pontos estratégicos, palestras educativas com estudantes, recolhimento de pneus e de bagulhos volumosos. Também foi executado na região o trabalho de nebulização espacial com o carro fumacê.

A dona de casa Rosimeire Carvalho foi uma das moradoras que abriu a porta de sua casa para os agentes comunitários. Para ela, a ação é essencial para reduzir a incidência das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti. "Acho que esse é um trabalho muito importante que precisa ser realizado, pois recebemos orientações fundamentais para evitar as condições em que possam se desenvolver criadouros do mosquito", afirmou.

A secretária de Saúde de São Luís, Helena Duailibe, considera importante regionalizar as estratégias de combate ao mosquito Aedes aegypti, já que grande parte da Ilha tem áreas geograficamente integradas. "Pedimos também a colaboração da população ludovicense e ribamarense, para se unirem a nós nesta ação", disse.

Para o instrutor de informática Arlen Matos, morador do Jardim Araçagy III, a parceria entre os dois municípios vai beneficiar os moradores. "Acredito que esse trabalho conjunto resultará em muitos benefícios para a população de ambos os municípios, especialmente no que diz respeito à infraestrutura urbana", comemorou. Também esteve presente na ação a secretária municipal de saúde, Helena Duailibe, além de representantes do poder legislativo municipal de São Luís e de São José de Ribamar.


Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem