agencia

Notícias

Atualizado em 20/05/2016 às 15h38

Prefeitura firma parceria com cooperativa de reciclagem de resíduos

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeito Edivaldo assina termo de cessão de equipamentos à cooperativa de reciclagem de resíduosO prefeito Edivaldo assinou na manhã desta sexta-feira (20) o Termo de Concessão de Uso de Equipamentos de Reciclagem para a Cooperativa de Reciclagem de São Luís (CooperSL). Compõem os equipamentos cedidos à entidade uma máquina fragmentadora de papel, um caminhão ¾ para transporte do material coletado e uma prensa hidráulica. A iniciativa integra a política de resíduos sólidos implantada na gestão do prefeito Edivaldo, visando ao fortalecer o setor de reciclagem de material descartável e tornar a capital maranhense ambientalmente mais sustentável.

No ato de assinatura do termo, ocorrido do Palácio La Ravardière, o prefeito Edivaldo destacou os aspectos socioambientais e econômicos da iniciativa. "Com a cessão desses equipamentos, além de potencializarmos a produção da cooperativa, promovemos também a geração de renda para as famílias associadas e, consequentemente, a melhoria da qualidade do meio ambiente e da saúde pública, trabalhando para reduzir a quantidade de resíduos descartado nas ruas", disse Edivaldo, lembrando ainda que São Luís é uma das primeiras capitais brasileiras a se adequar ao Plano Nacional de Resíduos Sólidos.

ECOPONTO

O prefeito pontuou, ainda, que a ação complementa outras políticas ambientais já em desenvolvimento na área, como a criação de 10 ecopontos na cidade para coleta seletiva de resíduos. O primeiro ecoponto entrará em pleno funcionamento na próxima semana, em área próxima à Avenida dos Africanos. Também já feito o mapeamento total dos geradores de resíduos, para que seja realizada a coleta seletiva com a destinação final adequada e ambientalmente responsável.

Participaram do ato formal de cessão dos equipamentos, a presidente da CooperSL, Maria José Castro; a secretária municipal de Meio Ambiente, Maluda Fialho; a representante do Comitê de Limpeza Pública de São Luís, Carolina Estrela; e membros da diretoria da cooperativa beneficiada pela ação.

BENEFÍCIOS

A presidente da CooperSL, Maria José Castro, considerou a cessão dos equipamentos como um incentivo à atividade e um benefício muito esperada pela instituição de catadores de material reciclável que ela representa. "Vivemos um momento histórico para nossa cooperativa. Receber esses equipamentos da Prefeitura é algo que sempre lutamos, porque são componentes essenciais ao nosso trabalho. É com muita emoção que destaco esse ato como um estímulo grandioso à nossa atividade e um compromisso importante da atual gestão com a qualidade do ambiente em que vivemos", disse a presidente da CooperSL.

A Cooperativa de Reciclagem de São Luís possui, atualmente, 26 famílias cadastradas atuando na coleta de material reciclável na área Itaqui-Bacanga. A atividade na instituição representa a principal fonte de renda para a maioria dos associados da CooperSL, que registra uma produção mensal de aproximadamente 50 toneladas/mês.

Presente ao ato de cessão dos equipamentos, a secretária municipal de Meio Ambiente, Maluda Filaho, salientou que a produção da cooperativa terá um ganho significativo com a utilização dos equipamentos. "Estamos atuando em diversas frentes para efetivarmos a política de resíduos sólidos na capital. Ações como esta geram uma cadeia de benefícios e estimulam a construção de uma cidade melhor para todos nós, tanto economicamente, quanto favorecendo o desenvolvimento sustentável", enfatizou Maluda Fialho.

GALPÃO

A secretária informou, ainda, que a Prefeitura também está viabilizando a construção de um galpão para o CooperSL, em área na região Itaqui-Bacanga. A medida visa proporcionar à entidade melhores condições de trabalho e crescimento da sua produção. A obra está em fase de licenciamento.

 

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem