agencia

Notícias

Atualizado em 10/06/2016 às 16h01

Prefeitura, governo e comitê Rio 2016 apresentam programação para o revezamento da chama olímpica

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura, governo e comitê Rio 2016 apresentam programação para o revezamento da chama olímpica
São Luís receberá neste domingo (12), com uma grande celebração, o símbolo maior das Olimpíadas. Os detalhes desta festa foram apresentados pela Prefeitura e pelo Comitê Olímpico Rio 2016 em uma coletiva de imprensa realizada na manhã desta sexta-feira (10), no auditório do Palácio La Ravardière, sede do poder executivo municipal. Na ocasião, foi apresentada também uma réplica da Tocha. 

Para tratar sobre os momentos que pontuarão a passagem da Chama Olímpica por São Luís, participaram da coletiva de imprensa os secretários municipais Júlio França (Esporte), Conceição Castro (Comunicação); e Marlon Botão (Cultura); a representante do Comitê Olímpico Rio 2016, Carla Marques; o assessoria especial de esporte da Secretaria Estadual de Esporte e Lazer, Miguel Pinheiro; e três dos condutores selecionados para o revezamento na capital: o nadador Thiago Rezzo; o agente esportivo José Augusto Santos, agente esportivo do projeto Movimento e Resgate, desenvolvido pela Prefeitura de São Luís; e o ativista social Maurício de Paula.

À imprensa local foram repassados os detalhamentos referentes à estrutura e a logística do evento e a rota que será feita pelos condutores da Chama Olímpica nos 39 quilômetros que serão percorridos em São Luís.

O secretário municipal de Esportes, Júlio França, destacou que a Prefeitura de São Luís - em parceria com o Governo do Estado e patrocinadores - preparou uma grande festa para celebrar o momento na capital, oportunidade na qual serão valorizadas e projetadas para todo o mundo as belezas e riquezas culturais maranhenses. "Este é um evento que valoriza o esporte como fator de inclusão social e que vai permitir projetar as belezas de São Luís em nível nacional e mundial. Sendo assim, o prefeito Edivaldo determinou que fosse organizado um grande momento de valorização da nossa cultura, visando garantir uma grande festa no revezamento da Tocha em São Luís", afirmou Júlio França.

O secretário municipal de Cultura, Marlon Botão, reforçou a montagem da estrutura para a organização do evento e assegurou que tudo está preparado para a grande celebração. "A festa do revezamento da tocha olímpica em São Luís será uma grande oportunidade de valorizar os vários aspectos da nossa cultura, muitos dos quais reconhecidos em nível nacional. Para o prefeito Edivaldo, esta é uma oportunidade também de celebrar e fortalecer a cultura da nossa cidade", disse.

Os pontos nos quais haverão apresentações culturais estão instalados nas praças D. Pedro II e Maria Aragão; nos bairros Turu, Cohatrac, Anjo da Guarda, Avenida Litorânea e Espigão Costeiro. Neles se apresentarão artistas e grupos teatrais e de bumba meu boi, tambor de crioula e outras manifestações populares.

Com relação às operações de trânsito que serão executadas durante o percurso, o secretário adjunto de Trânsito e Transporte, Israel Petrus, apresentou a logística disponibilizada pela Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT), para o disciplinamento do tráfego no domingo.

"Todo o nosso efetivo estará trabalhando para dar a cobertura necessária, com batedores e agentes de trânsito atuando em várias frentes, desobstruindo vias e garantindo as interdições programadas para as vias por onde a Tocha passará", disse Petrus.

EXPECTATIVAS

A representante do Comitê Olímpico Rio 2016, Carla Marques, falou das expectativas da realização do evento em São Luís e nas demais cidades maranhenses que também receberão o Fogo Olímpico: Barreirinhas (dia 13) e Imperatriz (dia 14).

Ela fez uma breve contextualização histórica dos Jogos Olímpicos no mundo, apresentou um vídeo com momentos da festa de revezamento em outras cidades brasileiras e destacou as ações previstas para o percurso em São Luís. Carla Marques também falou sobre a logística montada pelo Comitê em São Luís e falou sobre o posicionamento do comboio formado por 20 veículos especiais que darão suporte à organização, de forma a garantir a participação tranquila dos 143 condutores da Tocha na capital.

"Nossas expectativas são de uma grande festa. Todas as capitais brasileiras foram contempladas com a passagem da Tocha Olímpica, mas nós sabíamos que São Luís tinha muito a apresentar, porque o Maranhão tem uma cultura pungente, rico acervo histórico, belezas naturais impressionantes e o calor humano de um povo muito acolhedor", disse. "A Chama Olímpica simboliza união e paz, o melhor do ser humano e nos ajuda a preparar o clima do país para a chegada dos jogos", completou a representante do Comitê Olímpico, Carla Marques.

 

CONDUTORES

Três das pessoas selecionadas para conduzir a Tocha Olímpica em São Luís também participaram da coletiva. O campeão maranhense de natação, Thiago Rezzo, 29 anos; o agente esportivo, José Augusto Santos, 66 anos; e o ativista social, Maurício de Paula.

"Sinto-me extremamente emocionado por tamanha honra de carregar a Tocha em minha cidade. É algo indescritível, um orgulho para qualquer cidadão, principalmente eu que lido com esporte há muitas décadas. Sem dúvida será um feito em minha vida que deixarei para a posteridade para orgulho dos meus filhos e netos", disse o agente esportivo, que carregará a Chama Olímpica em um dos trechos do percurso.

Pensamento similar tem também o nadador Thiago Rezzo. "É um orgulho para qualquer pessoa participar desse momento ímpar, que é o revezamento da Tocha Olímpica. Como esportistas, considero a escolha como um estímulo e uma valorização ao meu trabalho como atleta. Estou muito feliz de participar e contribuir com essa grande festa", disse o nadador.

Acesse aqui a galeria de fotos desta reportagem