agencia

Notícias

Atualizado em 28/06/2016 às 16h40

Conferência Municipal da Cidade de São Luís será aberta nesta segunda-feira, 04

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Inicia na próxima segunda-feira (4) a 6ª Conferência Municipal da Cidade de São Luís. Com o tema "Função Social da Cidade e da Propriedade", o evento expressa a importância do interesse coletivo na organização do espaço urbano. Poder público e sociedade civil organizada estão convidados a participar das discussões que acontecem a partir das 8h30 na Federação das Indústrias do Maranhão (Fiema).

"A conferência é um evento que confirma a participação da população e dos municípios na proposição de estratégias para a política urbana nacional. A partir das discussões sobre os desafios enfrentados em escala local e escolhendo seus delegados para a conferência estadual, a cidade de São Luís cumpre com o seu papel na construção desta política. Na ocasião também será escolhido o novo conselho da cidade de São Luís", explicou o presidente em exercicio do Conselho da Cidade, Aquiles Andrade, presidente da Fundação Municipal do Patrimônio Histórico (Fumph).

Durante a conferência, organizada pela Comissão Preparatória do Conselho da Cidade, serão debatidos temas como Mobilidade e Acessibilidade, Habitação de Interesse Social, Regularização Fundiária, Saneamento e Planejamento Urbano e Controle Social.

PROPOSTAS

Através de debates, palestras e discussões, a conferência vai gerar sugestões de políticas voltadas para a melhoria das condições de vida da população. Todas as propostas são construídas com a participação de representantes do poder público e de representantes da sociedade civil organizada.

Na terça-feira (5), último dia do evento, haverá a eleição do novo Conselho das Cidades e escolha dos delegados que participarão das conferências Estadual, segundo informou a chefe da Secretaria Administrativa do Conselho da Cidade, Ana Carolina Franco Bouéres.

Os delegados são indicados pelos segmentos do poder público presentes no conselho e segmentos da sociedade civil organizada presentes no conselho municipal, a exemplo de movimentos populares; de empresários; de trabalhadores (Sindicatos); e de entidades acadêmicas, de pesquisa e conselhos profissionais e Organizações Não Governamentais.

Participam da Conferência, pelo poder público municipal, as secretarias municipais de Urbanismo e Habitação (Semurh); Trânsito e Transportes (SMTT); Fazenda (Semfaz); Planejamento e Desenvolvimento (Seplan); Meio Ambiente (Semmam); Obras e Serviços Públicos (Semosp); Fundação Municipais do Patrimônio Histórico (Fumph) e os institutos municipais da Cidade (Incid) e Paisagem Urbana (Impur).