agencia

Notícias

Atualizado em 02/12/2016 às 18h06

Implantado pela Prefeitura, Bilhete Único contabiliza 5 milhões de integrações

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Implantado há um ano pela Prefeitura, Bilhete Único contabiliza 4,5 milhões de integraçõesPrestes a completar um ano de funcionamento, o sistema Bilhete Único implantado pela Prefeitura de São Luís atingiu a marca de cinco milhões de integrações. A estatística é da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT). O Bilhete Único possibilita ganho de tempo, economia para o usuário e contribui para equilibrar o fluxo nos terminais de integração de São Luís. 

"As melhorias no sistema de transporte de São Luís são compromissos assumidos pela nossa gestão e cumpridos com a população de São Luís. A licitação dos transportes e a implantação de benefícios como a Recarga Embarcada, o Cartão Criança e o Bilhete Único, além da renovação de mais da metade da frota, são ações que hoje proporcionam mais qualidade no serviço, beneficiando diretamente o usuário do transporte coletivo", disse o prefeito Edivaldo.

O prefeito destacou ainda as intervenções geométricas em vários pontos da cidade, com o objetivo de desafogar o trânsito nos principais corredores urbanos, com impactos positivos para a mobilidade urbana na capital maranhense. Na última semana, as melhorias no sistema de transporte de São Luís, entre as quais se destaca a implantação do Bilhete Único, foram apresentadas também em um painel no encontro de prefeitos e prefeitas "Governando Juntos", realizado pelo Governo do Estado. O painel teve por objetivo destacar experiências exitosas realizadas em municípios brasileiros. 

O secretário de Trânsito e Transportes, Canindé Barros, também destacou a eficiência do sistema. "Consideramos que o Bilhete Único obteve êxito em São Luís porque as pessoas que antes se deslocavam até um dos cinco Terminais de Integração agora tem outras opções. Elas podem descer em um ponto de sua escolha para pegar outro ônibus, chegando ao seu destino final economizando tempo e dinheiro. Como consequência, com o Bilhete Único, é possível também desafogar o fluxo nos terminais de integração", explicou o secretário.   

FUNCIONAMENTO

Diariamente, mais de 15 mil pessoas usam o Bilhete Único em uma das 150 linhas integradas ao sistema. O bilhete é utilizado dentro do sistema urbano integrado nas linhas troncais, com origem em bairros e passagem por terminais e circulares, aquelas que trafegam pelos principais corredores da cidade.

O fator economia é apontado como aspecto mais relevante pela estudante Adriana Dias, 22 anos. "O serviço é muito útil, pois tudo o que venha para aliviar nosso bolso é louvável", disse ela.

A partir da instalação do Centro de Controle de Operações (CCO), que permite o acompanhamento em tempo real das viagens, houve potencialização do uso do bilhete. "Com o monitoramento realizado pelo CCO, garantimos agilidade e segurança para o usuário do sistema de transporte, aumentando a eficiência do sistema", considera Canindé Barros.

Um ano depois de implantado, a população segue aprovando o benefício. "O Bilhete Único nos proporciona maior economia com transporte público, pois podemos tomar várias conduções sem pagar mais nada por ela, no espaço de tempo que o serviço determina. Além do mais, o serviço nos favorece a mudança de itinerário sem precisar ir aos terminais de integração para fazer isso, o que implicaria em mais tempo gasto por viagem", disse a universitária Iara Cristina dos Santos, 20 anos.

O trabalho desenvolvido pela Prefeitura de São Luís permitiu, sobretudo, benefício de tempo para os usuários. A utilização do Bilhete Único também refletiu diretamente nos terminais, com diminuição do número de pessoas nestes equipamentos. Com isso, a integração passou a acontecer em paradas ao longo do grande eixo.

CENTRO

 

A SMTT investiu também na ampliação dos pontos de ônibus no eixo estrutural da cidade, que corta o mapa de São Luís no sentido Distrito Industrial, na BR-135, passando pelas avenidas Guajajara, Jerônimo de Albuquerque, Colares Moreira (São Francisco), até o terminal da Praia Grande (Centro).

O Bilhete Único ofereceu vantagens concretas também para os estudantes - público que, atualmente, soma 50% dos usuários do benefício. Antes da implantação do Bilhete Único, um estudante morador da zona rural que precisasse chegar até o IFMA do Maracanã, na região da Estiva, tinha que descer do ônibus de origem e pegar outro pagando nova passagem. Agora, ele pode saltar em um ponto de sua escolha na BR-135 e chegar ao ponto de destino sem precisar pagar passagem a mais.

"Além da economia de tempo e dinheiro, vejo vantagem também outro aspecto importante, que é quando precisamos fazer trajetos curtos, mas, mesmo assim, teríamos de pagar por uma nova passagem para fazer isso. Fiz assim um dia desses do Canto da Fabril ao João Paulo. Eu estava com pouco crédito e o Bilhete Único foi providencial para mim nesse momento", relata o estudante Luís Carlos Nunes, 19 anos.

 

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem