agencia

Notícias

Atualizado em 23/02/2017 às 19h01

Prefeito Edivaldo prestigia posse da nova diretoria do Tribunal Regional Eleitoral

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeito Edivaldo prestigia posse da nova diretoria do Tribunal Regional EleitoralO prefeito Edivaldo prestigiou, na tarde desta quinta-feira (23), a cerimônia de posse do novo membro efetivo e da nova diretoria do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/MA). Os desembargadores Raimundo Barros e Ricardo Duailibe tomaram posse como presidente e corregedor, respectivamente. Barros já atuava na Corte desde dezembro de 2015 e ascendeu à presidência sem eleição - conforme prevê o regimento interno, porque Duailibe anunciou que não tinha interesse em concorrer ao cargo.

Ao lado do governador Flavio Dino e do presidente em exercício da Assembleia Legislativa, Othelino Neto, Edivaldo entregou a Ricardo Dualibe a comenda Ministro Artur Quadros Colares Moreira, que é destinada a pessoas físicas e entidades que mereçam especial distinção pelo mérito e relevante serviço prestado à Justiça Eleitoral.

O prefeito saudou os membros do tribunal e disse estar feliz em participar da solenidade. "Estamos honrados em participar deste evento e desejamos sucesso aos novos diretores desta tão importante corte. A Prefeitura de São Luís sempre primou pelo bom relacionamento entre os poderes, pois acreditamos que é assim que fortalecemos as instituições democráticas", disse o prefeito, que estava acompanhado do vice-prefeito, Julio Pinheiro e do procurador-geral do município, Marcos Braid. As secretárias Helena Duailibe (Saúde) e Socorro Araújo (Turismo) também participaram do evento.

O vice-prefeito, Julio Pinheiro, disse que a sua participação no evento foi também para representar o sentimento da cidade de que é preciso valorizar quem hoje assume o comando do Tribunal. "Para nós, é uma satisfação grande a posse dos novos dirigentes e nossa presença é mais para ratificar esse sentimento de um bom comando aqui no Tribunal", disse Julio Pinheiro.

O novo presidente do tribunal em seu pronunciamento destacou que sempre pautou sua conduta respeitando os papeis de cada um dos poderes, deixando bem claro que o poder de legislar é do poder Legislativo, a tarefa de administrar é do poder Executivo e de aplicar as leis, do Judiciário. "Leis obedecidas são sinal de paz social", disse Raimundo Barros que apresentou como meta de sua gestão a expansão do atendimento ao eleitor com a coleta de dados biométrico e as campanhas de conscientização. Ele lembrou que a Justiça Eleitoral registrou grandes avanços tecnológicos nos últimos anos e que sua gestão será pautada na conscientização dos eleitores.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem