agencia

Notícias

Atualizado em 19/04/2017 às 18h00

Prefeitura e Defensoria Pública oferecem curso de cuidador de idoso

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

A Prefeitura de São Luís, em parceria com a Defensoria Pública do Maranhão, abre inscrições para o curso 'Alimentação Saudável e Cuidados Necessários ao Idoso'. A capacitação é voltada para profissionais da saúde e pessoas que queiram aplicar os conhecimentos no cuidado dos próprios familiares ou até para conseguir emprego na área. O interesse por este profissional é crescente e a profissionalização é um ponto a mais na hora de concorrer a uma vaga no mercado de trabalho.

Interessados em participar podem se inscrever, gratuitamente, no período de 24 a 28 deste mês, no endereço eletrônico escolasuperior@ma.def.br. Serão oferecidas 60 vagas. Podem se inscrever pessoas com idade mínima de 18 anos; ter Ensino Fundamental concluído; apresentar RG, CPF e contato. O edital com informações sobre a capacitação está disponível no site da Defensoria Pública do Estado do Maranhão  ( http://defensoria.ma.def.br/dpema/index.php/SiteInstitucional/ver_noticia/4982 ).

O envelhecimento é uma fase que precisa ser compreendida e isso inclui cuidados adequados, pontua a titular da Secretaria Municipal de Segurança Alimentar (Semsa), Fatima Ribeiro. "Esta formação tem como objetivo orientar para a alimentação adequada à terceira idade, na prevenção de doenças e por uma melhor qualidade de vida dos idosos. É um aprendizado importante aos que querem ser cuidadores, para suas famílias ou para a geração de renda", reforça.

O cronograma da capacitação inclui ainda o preparo de receitas destinadas a pessoas com diabetes, hipertensão, colesterol alto e outros problemas que surgem nesta fase da vida. Ministram as aulas nutricionistas, médicos, gerontológos e demais profissionais especializados no cuidado com a pessoa idosa.

"O objetivo deste curso é melhorar a qualidade de vida dos idosos, pois é importante chegar à terceira idade com saúde e qualidade de vida", diz a mestre em Gerontologia e representante da Semsa na coordenação do curso, Ana Tereza Ramos. Os cuidadores têm como atribuição conversar, cuidar da saúde e higiene pessoal, acompanhar em um passeio e atender as necessidades do idoso.

RELAÇÃO

Ana Teresa Ramos explica que a relação cuidador e cuidado requer credibilidade, confiança, carinho e liberdade. "Sendo acompanhado por alguém qualificado, os idosos aproveitam melhor o tempo em família e ganham qualidade de vida", diz. Ela ressalta ainda que os cuidadores podem ser familiares ou terceiros mas devem estar qualificados para cuidar deste público. Ao final da capacitação, os alunos receberam certificado.

As matrículas serão realizadas dias 4 e 5 de maio. As aulas iniciam dia 15 de maio e prosseguem até 22 de julho, na Universidade Ceuma, Cohama, de segunda à sexta-feira, durante a tarde. O curso tem carga horária de 188 horas, sendo 152 horas de parte teórica e 36 horas a prática.

A capacitação é promovida pela parceria entre Secretaria Municipal de Segurança Alimentar (Semsa); Universidade Ceuma; Escola Superior da Defensoria Pública do Estado (Esdep/MA) e Centro Integrado de Apoio e Prevenção à Violência Contra a Pessoa Idosa (Ciapvi), entidades da DPE/MA; e Associação Nacional de Gerontologia (ANG).

A formação em cuidador de idoso se mostra adequada considerando o aumento desta população apontado pelos órgãos de referência. O Brasil experimenta o processo de envelhecimento da população semelhante aos países mais desenvolvidos e, a partir de 2010, os índices de crescimento aumentam, segundo a Síntese de Indicadores Sociais, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).