agencia

Notícias

Atualizado em 15/05/2017 às 17h58

Prefeitura abre exposição com artistas plásticas e roda de conversa sobre o feminino na arte

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

A segunda edição da exposição Ocupação Trapiche #02 será aberta nesta quarta-feira (17) e fica em cartaz na Galeria Trapiche Santo Ângelo, equipamento de cultura da Prefeitura de São Luís, até o dia 13 de junho. A mostra traz as obras "PisicoEu", uma série de desenhos de Eva Braun, de São Luís e "Nostalgia", um conjunto de telas de Lillian Cameli, do Paraguai. A abertura será às 17h, com a roda de conversa "O feminino nas artes visuais" conduzida pelas artistas maranhenses convidadas Ana Borges, Maria Tereza e Marília de Laroche. A mediação é de Jane Maciel, Talita Guimarães e Claudia Marreiros.

A exposição é resultado da Chamada Pública Nacional de Ocupação Artística do equipamento municipal, lançada em janeiro deste ano, que atraiu a participação de artistas de todo o país com interesse em expor trabalhos em qualquer categoria do campo das artes visuais. O principal objetivo da ocupação é o de atender à política cultural municipal que incentiva o fomento às artes visuais por meio de atividades de circulação de obras e intercâmbio do trabalho de artistas de diferentes regiões.

"A chamada selecionou o trabalho de 13 artistas locais e nacionais que vão expor ao longo do ano na galeria. A ideia da chamada é realmente ocupar a galeria com exposições até o fim do ano, por isso algumas acontecerão simultaneamente para preencher todo nosso espaço. O nome Ocupação é para estimular na população a vontade de também propor novos formatos e ideias de exposição para o equipamento cultural. A mostra, embora seja coletiva, apresenta exposições do trabalho individual de linguagem de cada artista, cada um com sua história e técnicas diferentes", disse a diretora da Galeria Trapiche, Camila Grimaldi.

Foram avaliadas a criatividade, originalidade, contemporaneidade e qualidade técnica de cada proposta, bem como adequação às instalações da Galeria Trapiche, o estímulo ao conhecimento, a valorização da pluralidade social e cultural e o currículo artístico do proponente.

Na entrada da exposição, tem um grande painel grafitado pelo artista Edi Bruzaca que ilustra o caráter de vanguarda da exposição. A Galeria Trapiche fica localizada na Avenida Vitorino Freire, em frente ao Terminal de Integração da Praia Grande, aberta para visitação no horário das 9h às 19h.