agencia

Notícias

Atualizado em 04/06/2017 às 10h52

Prefeitura inicia programação da Semana do Meio Ambiente com ação na Avenida Litorânea

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura inicia programação da Semana do Meio Ambiente com ação na Avenida Litorânea
Mais de quatro mil litros de resíduos, entre papel e plástico, foram coletados durante a primeira ação da ampanha 'Mais Limpeza, Mais Saúde - Eu Faço Minha Parte', realizada na Avenida Litorânea, na manhã deste domingo (5). O evento é uma iniciativa da Prefeitura de São Luís e marca a abertura da programação da Semana do Meio Ambiente que se estenderá até o dia 10 de junho. Durante a ação deste domingo um 'lixômetro' foi instalado na avenida para coleta e medição do volume de lixo descartado pela população no local. Na ocasião, um ciclo de corridas promovida pela Vale reuniu centenas de pessoas, que se engajaram na campanha.

"O simbolismo desse evento está na conscientização das pessoas para a preservação do meio ambiente e do descarte de resíduos em local adequado. Por orientação do prefeito Edivaldo fizemos essa campanha, que inicia neste domingo, com uma série de atividades que a Prefeitura vai executar, com foco na sensibilização e para informar sobre atitudes que levem à redução do descarte irregular e à preservação do ambiente", pontuou Carolina Estrela, coordenadora do Comitê Gestor de Limpeza Urbana. 

O 'lixômetro' instalado no evento tinha capacidade de coletar três mil litros de resíduos. Segundo estudo, cada pessoa produz 1,5 litro de resíduos por dia. "Precisamos nos esforçar para diminuir este número e sermos mais conscientes adotando hábitos que deixem o ambiente mais limpo", frisou Carolina Estrela.

Quem esteve na Litorânea durante a ação, elogiou a iniciativa e também colaborou. "Eu sempre coloco lixo na lixeira. Se não há, guardo até encontrar um local adequado. Campanhas como essas devem ser realizadas sempre para que as pessoas se conscientizem", afirmou o universitário Werisson Rodrigues, 32 anos.

Da mesma forma, o vendedor Emirval José dos Santos, 51 anos, contribui para um meio ambiente mais limpo com atitudes simples em casa e na rua. "Não jogo lixo na rua nem na porta da minha casa, nem um papel de bombom. Sei o quanto traz de problemas de saúde e se preservar estamos cuidando de nossa própria casa. Essa campanha reforça para muitas pessoas que não têm essa consciência", enfatizou.

As atitudes mais simples são as que surtem mais efeito, pontuou o administrador de empresas, Marcelo Morais dos Santos, 34 anos. "Esse tipo de campanha ajuda bastante para que as pessoas vejam o quanto nós somos capazes de prejudicar nosso próprio meio e assim, tentarmos agir de outra forma. Eu apoio e sempre participo. Na minha casa temos cuidado com o lixo, com o descarte correto para contribuir com a preservação do meio ambiente e darmos exemplo aos nossos filhos", afirmou.

PROGRAMAÇÃO

As ações comemorativas pela Semana do Meio Ambiente promovida pela Prefeitura prosseguem com palestras, plantio de mudas, roda de conversa, panfletagem e outras atividades ao longo da semana. Nesta segunda-feira (05) acontece uma ação de plantio de mudas em área próximo a cabeceira da ponte Bandeira Tribuzi.

Ainda como parte da programação a Secretaria Municipal de Educação (Semed) realizará palestras sobre Meio Ambiente, na Unidade de Ensino Básico Luís Viana, no bairro Alemanha. O objetivo é levar aos estudantes a importância da preservação e orientar sobre formas de incluir hábitos com este foco no cotidiano em casa. Na terça-feira (06) a palestra ocorre na U.E.B. Maria Rocha, no bairro Areinha. Esta incluida ainda na programação da semana o plantio de mudas frutíferas, nas imediações do Teminal de Integração da Cohab.

CONSCIENTIZAÇÃO

O 'lixômetro' estará na Praça Deodoro, na quarta-feira (07) para a coleta e medição do volume descartado naquela localidade. Devido ao grande fluxo de pessoas e do movimento de comércio, é bastante grande, enfatiza Carolina Estrela. "Infelizmente, aquela área é espaço de descarte irregular e com esta ação queremos mostrar a comerciantes, à população geral, o quanto fica no meio ambiente se não tivermos a consciência de por o lixo no lixo", reforçou.

                    Acesse aqui a galeria de fotos desta reportagem