agencia

Notícias

Atualizado em 08/07/2017 às 9h58

Prefeitura realiza "Todos por São Luís" na Alemanha e movimenta o bairro com várias ações

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura realiza ″Todos por São Luís″ na Alemanha e movimenta o bairro com várias açõesEm sua 45ª edição, o programa "Todos por São Luís" atendeu centenas de pessoas do bairro Alemanha e áreas adjacentes com uma série de serviços. No dia 'D' da ação, realizada na manhã deste sábado (8), a população se fez presente para usufruir ações nas áreas de saúde, assistência social, esporte, cultura, educação, segurança alimentar, embelezamento e muitos outros. O 'Todos por São Luís' é uma iniciativa da Prefeitura, por meio da Secretaria de Governo, e tem a coordenação da primeira-dama, Camila Holanda. Os serviços ofertados à população envolvem todas as secretarias municipais.

As ações deste sábado aconteceram no Centro Beneficente Nossa Senhora da Glória, na Rua Murta. Esta é a segunda vez que a iniciativa é promovida no bairro. A primeira-dama, Camila Holanda visitou os estandes e conversou com a população. Ela avaliou mais esta etapa do projeto que promove a integração Prefeitura e comunidades.

"Hoje é mais uma culminância do programa que ao longo da semana promove várias ações e se tornou um importante instrumento de comunicação com os moradores da nossa cidade, fortalecendo a participação popular. É mais um canal de diálogo com a população idealizado pelo prefeito Edivaldo, desde sua primeira gestão, e ao qual damos prosseguimento nas comunidades, cuidando das pessoas, ouvindo seus anseios e buscando solução às principais demandas em diversas áreas", disse Camila Holanda. O secretário de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa), Ivaldo Rodrigues, também esteve presente no local para acompanhar as atividades.

SERVIÇOS 

 

A importância do programa para levar serviços e estreitar a relação da gestão com os moradores foi outro ponto destacado pela primeira-dama. "Em cada edição tentamos ampliar nossas parcerias para oferecer sempre uma vasta programação e variados serviços. Essa culminância é resultado de reuniões e conversas com os moradores da região", ressaltou. Ela reiterou ainda a gestão participativa do prefeito Edivaldo que prioriza o diálogo com a população.

Como tem ocorrido nas demais edições, a área da Saúde, Assistência Social e Segurança Alimentar estão entre as mais procuradas pela população. Na área da saúde, os atendimentos em pediatria, clínica geral, ginecologia, oftalmologia e saúde da mulher atraíram centenas de moradores.

Na ação foram ofertados ainda atendimentos médicos em dermatologia e odontologia, além de serviços de aferição de pressão arterial, aplicação de flúor, teste de glicemia, teste rápido de HIV, sífilis e hepatite C; vacinação humana e animal, avaliação nutricional, entrega de medicamentos da Farmácia Básica e emissão de cartão do Sistema Único de Saúde (SUS).

POPULAÇÃO ELOGIA A INICIATIVA

Para a dona de casa Rosangela Sousa Carvalho, 52 anos, a edição do programa trouxe vários serviços importantes. "Aqui a gente pode fazer consultas médicas e ganhar mais tempo. É um bom serviço", disse. Ela aproveitou o evento para fazer consulta com nutricionista e comprar produtos nos estandes de roupas e artesanato. A recepcionista Maria da Conceição Barbosa, 35 anos, levou os filhos para consultar com pediatra e também se cadastrou para receber os alimentos. "Aproveitei muito os serviços", afirmou.

O comerciante Eron Salomão Lopes, 57 anos, parabenizou a ação municipal pelos atendimentos de saúde. "Aqui tem os serviços que a população mais precisa em um só lugar. Muito bom", disse. O comerciante também aproveitou os serviços de saúde e consultou com clínico geral e oftalmologista.

Durante o evento foram oferecidos, ainda, cursos de confecção de bonecas, porta trecos, porta retrato, itens artesanais e de decoração somando mais de 20 mini oficinas.

No local os participantes puderam ainda participar de exposições artesanais, aulas de dança com zumba e atividades infantis como pintura e desenho. Aline de Moraes Santana, 12 anos, disse que foi bom participar do espaço de pintura. "Gostei porque gosto muito de desenhar e pintar. Foi legal", disse a jovem.

 

Uma das diretrizes do programa é gerar renda e emprego para a comunidade local. Para tanto, durante toda a semana são oportunizadas aos moradores diversas capacitações por meio de cursos e oficinas. Entre estes, informática básica, técnicas de vendas e atendimento ao público; panificação, doces e salgados; preparação para concursos: dicas e orientações; e confecções de bombons regionais, que são escolhidos pela própria comunidade.

                                  Acesse aqui galeria de imagens desta reportagem