agencia

Notícias

Atualizado em 10/07/2017 às 18h40

Prefeitura de São Luís firma parceria para intervenção de trânsito no São Cristóvão

A parceria com o grupo Pitágoras foi firmada nesta segunda (10). A intervenção será em dois pontos da Avenida Guajajaras, na intercessão com a Avenida 2 e Avenida Lourenço Viera da Silva, e vai eliminar os pontos de congestionamento na região.

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura de São Luís firma parceria para intervenção de trânsito no São Cristóvão

A Prefeitura de São Luís, em parceria com o Grupo Educacional Pitágoras, vai executar novas intervenções no trânsito da capital que vão impactar na melhoria da mobilidade urbana e garantir mais segurança para motoristas e pedestres. O acordo de Cooperação Técnica foi firmado na tarde desta segunda-feira (10) pelo prefeito Edivaldo, a gerente de Projetos, Daniela Simões Celebroni; o diretor geral da Faculdade Pitagóras-Maranhão, Joel Oliveira Gomes e o secretário municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), Canindé Barros.

Com a parceria, serão executadas modificações no traçado geométrico, reestruturação viária e intervenções com a retirada de estruturas nas avenidas Guajajaras, Lourenço Vieira da Silva e Avenida 2, no são Cristóvão. Participaram também do evento o vereador Pavão Filho, os secretários Lula Fylho (Governo) e  Jota Pinto (Articulação Política) e o secretário-adjunto da SMTT, Israel Petrus.

O prefeito Edivaldo destacou a importância de mais uma parceria firmada para resolver problemas de mobilidade na cidade. "Esta é a segunda intervenção que estamos realizando para melhorar a mobilidade no trânsito de São Luís, em parceria com o grupo Pitágoras. É mais uma obra de grande importância, que vai eliminar engarrafamentos em pontos antes considerados extremamente críticos na região do São Cristóvão. Em meio à crise econômica nacional e a queda de receitas que afetam as administrações municipais de todo o pais, é importante buscar parcerias, a exemplo desta, para investimentos na cidade", afirmou Edivaldo.

O secretário municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), Canindé Barros, destacou que está é mais uma obra viária de grande relevância para melhoria do trânsito naquele setor. "O projeto a ser desenvolvido vai facilitar o fluxo de veículos e acabar os engarrafamentos no local, principalmente nos horários de pico", disse Canindé Barros.

"Estamos sempre apoiando as prefeituras onde há unidades da instituição, tanto com recursos financeiros, quanto com fornecimento de estudantes para ações gratuitas nas instituições públicas, sempre em obras de infraestrutura e mobilidade urbana", enfatizou a gerente Daniela Simões Celebroni.

A oportunidade de consolidar a parceria público-privado, segundo o diretor geral da Faculdade Pitagóras-Maranhão, Joel Oliveira Gomes, reforça o trabalho da Prefeitura pela população e o interesse do grupo de investir na capital e no Estado. "Sabemos do potencial de São Luís e estamos sempre à disposição para o trabalho conjunto", disse o gestor.

INTERVENÇÕES

De acordo com o projeto, será retirada a rotatória que fica no cruzamento das avenidas Guajajaras com a Lourenço Vieira da Silva e será instalado um conjunto semafórico de dois tempos. "Essa alteração vai permitir maior fluidez ao trânsito naquele trecho, que hoje é bastante congestionado. É um complemento à obra realizada na Cohab, que está em fase de conclusão", destaca o secretário da SMTT.

O projeto inclui a construção de um retorno de quadra, nas proximidades do Banco do Brasil. A alteração do traçado nesse local vai transformar em mão única o trecho entre o Terminal de Integração do São Cristóvão à Avenida Guajajaras.

Com a obra, quem transita no sentido Guajajaras em direção aos bairros da região, passará a fazer o retorno de quadra, passando por trás do banco, depois cruzar a Avenida Guajajaras novamente e seguir pela Avenida 2 até a Cidade Operária e outros bairros da região. Sinalização horizontal nos percursos alterados também estão incluídas no projeto de mobilidade urbana.

A primeira parceria com o Grupo Educacional Pitagóras está em fase de conclusão e promove mudanças na Avenida Jerônimo de Albuquerque, entre o trecho da rotatória à igreja da Cohab. Foram construídas duas alças de retorno na própria avenida, feito alargamento da faixa para receber o fluxo de veículos nos dois sentidos – Centro e Forquilha.

"Com isso, haverá melhor acomodação do fluxo. São ações que integram as medidas da Prefeitura nos principais corredores de transporte para garantir maior agilidade ao serviço de transporte coletivo, que é a prioridade", explica Barros. As intervenções no trânsito integram o Plano Estratégico de Melhoria do Trânsito executado pela Prefeitura de São Luís, desde 2013.

OBRAS DE INFRAESTRUTURA

As obras no São Cristóvão fazem parte do conjunto de ações realizadas pela Prefeitura de São Luís. Antecipando as obras de mobilidade urbana, objeto do acordo assinado nesta segunda-feira, a Prefeitura realizou no local, desde 2015, uma série de serviços de infraestrutura e drenagem, sem os quais não seriam viáveis as intervenções que serão realizadas a partir da cooperação.

No trecho que compreende o São Cristóvão, a Prefeitura implantou uma rede de drenagem profunda com cerca de 600 metros de extensão. Os canais de escoamento do sistema de drenagem nesse local começaram na Rua Projetada, passando pelas ruas Onze e Joaquim Santos e terminando na Avenida Dois.

A rede de drenagem profunda é composta por tubulação de concreto, com canos com diâmetro de 40, 60 e 80 milímetros, além de bocas de lobo, poços de visitas e caixas de passagens. Com essa estrutura a região ficou livre dos alagamentos, mesmo quando o volume de chuvas é intenso, e o asfalto ganhou vida útil maior. A obra incluiu tratamento de drenagem superficial, nas ruas do entorno, com a implantação de sarjetas, meios-fios e calçadas.

 

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem