agencia

Notícias

Atualizado em 11/08/2017 às 15h39

Prefeitura de São Luís reitera compromisso com a educação no Dia do Estudante

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

 Prefeitura de São Luís reitera compromisso com a educação no Dia do Estudante

No dia do estudante, 11 de agosto, a Prefeitura de São Luís ratificou o seu compromisso com a educação no município, destacando os investimentos públicos na reforma e ampliação das Unidades de Educação Básica da rede, construção de novas creches e escolas, início da climatização de unidades escolares das zonas urbana e rural, ampliação dos cursos e formações para os docentes, e formalização de novas parcerias para a implantação de programas e projetos nas unidades de educação infantil e de ensino fundamental.

Moacir Feitosa, titular da Secretaria Municipal de Educação (Semed), diz que a qualidade da educação é uma das metas prioritárias da Prefeitura de São Luís. "Buscamos a elevação do nível de ensino e aprendizagem dos estudantes, a redução do analfabetismo, e a melhoria da gestão institucional e escolar", assinala o gestor. Nesse sentido, lembra que a implantação, a partir deste mês de agosto, do programa "Educar Mais", corrobora para o cumprimento dessas metas.

A primeira e uma das mais fortes ações do programa "Educar Mais" é a implantação do Sistema Municipal de Avaliação de São Luís (Simae/SL), que está sendo feita em parceria com o Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (CAEd/UFJF/MG). O Simae/SL visa à consolidação de uma cultura de avaliação na rede pública de ensino, baseada em princípios fundamentais, tais como descentralização, gestão participativa e formação continuada, que permitirão a elevação da qualidade educacional construída na coletividade e demarcada por indicadores educacionais bem definidos.

A professora Maria de Jesus Gaspar Leite, secretária adjunta de Ensino (SAE/Semed), explica que o programa "Educar Mais" também vai fortalecer os programas de formação continuada e atualizar a proposta curricular da rede municipal de ensino. Segundo ela, este sistema de avaliação é o primeiro a ser implantado no estado do Maranhão. A professora Maria de Jesus parabeniza os estudantes pela passagem do seu dia e diz que a gestão municipal está empenhada em oferecer não só uma estrutura física melhor, mas ampliar a cada ano os recursos didáticos e pedagógicos, com a formalização de novas parcerias, e implantar novos programas e projetos que fortaleçam a Educação, com foco na inclusão e na Educação Integral.

As obras de requalificação das Unidades de Educação Básica da rede municipal de São Luís devem alcançar pelo menos 120 escolas este ano. 60 unidades já foram entregues totalmente reformadas, algumas inclusive ampliadas e outras climatizadas - com ar condicionado em todas as salas de aula. "Nossa meta é entregar até o final do ano letivo de 2017, aproximadamente 120 escolas completamente restauradas. Entre agosto e setembro, a previsão é entregarmos outras 20 unidades escolares, cujas obras já foram iniciadas, e as demais até o final do ano, totalizando 120", esclarece o titular da Semed. Além destas, a gestão municipal está em andamento com a construção de três creches e três escolas de 12 salas.

PROGRAMAS E PROJETOS

O projeto "Operários da Paz: Viver em Paz é possível" é uma das ações da Prefeitura de São Luís, que, por meio da Semed, está influenciando na construção de um ambiente pacífico e acolhedor dentro e fora das escolas, o que é indispensável para o processo de ensino e aprendizagem. O "Operários da Paz" ajuda os estudantes a lidar de forma saudável com situações conflituosas, disseminando valores da cultura de paz e práticas restaurativas.

Em parceria com o Instituto Formação e Alcoa, o projeto "Olimpíadas do Brincar ao Jogar", implantado em 18 escolas da rede municipal, das zonas urbana e rural, visa contribuir com o desenvolvimento físico, social e cognitivo dos estudantes, disseminando o espírito olímpico desde cedo e fomentando práticas saudáveis por meio do esporte e do resgate de brincadeiras tradicionais. Este projeto vai entregar até o fim de agosto seis quadras móveis de futebol para unidades escolares da zona rural, além de oferecer formação para estudantes e professores.

A Prefeitura de São Luís também mantém em funcionamento o projeto "Dançando e Educando", que têm como madrinha a primeira-dama Camila Holanda, e o programa "Educação Comunitária Ambiental" (ECOA), em parceira com o Instituto Alcoa/Alumar. Este leva educação ambiental para estudantes do fundamental, e, aquele, arte e dança por meio do balé clássico.

Ainda este ano, a Secretaria Municipal de Educação, por meio dos seus projetos pedagógicos, entregou kits educativos para as creches e escolas da Educação Infantil – Brinquedotecas com blocos de montar, alfabeto ilustrado, pula-pula, pufes infláveis, play ground, mini piscina de bolinhas, tapete de alfabeto gigante em EVA, blocos big construtor e aramado educativo. Foram entregues também kits com estantes, com 200 livros de literatura infantil, e com uma bandinha musical com 20 mini instrumentos de percussão, entre os quais tamborins, pandeiros, maracás, flautas, triângulos e chocalhos.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem