agencia

Notícias

Atualizado em 14/10/2017 às 11h42

Prefeitura de São Luís reforça trabalho de limpeza urbana com ações nos finais de semana

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura realiza ação de limpeza no Residencial PinheirosO trabalho de limpeza que é feito de forma rotineira nos bairros da capital está sendo reforçado nos finais de semana pela Prefeitura de São Luís. Várias localidades já receberam a ação como o Turu, Porto do Tibiri, na zona rural de São Luís, e as margens do Rio das Bicas abrangendo a área popularmente conhecida como Praça dos Gatos. Neste sábado (14) a grande ação de limpeza foi realizada no Residencial Pinheiros. O trabalho é coordenado pelo Comitê Gestor de Limpeza Urbana e segue determinação do prefeito Edivaldo.

O Residencial Pinheiros tem cerca de 1000 residências. O local foi escolhido para a ação de limpeza porque apesar da instalação do Ecoponto, a região ainda tem pontos de descarte irregular de resíduos sólidos. "A comunidade tem essa consciência de que a limpeza é responsabilidade de todos. A ação conta com a participação da associação de moradores. Juntos fizessêmos uma ação de conscientização na área, conforme orienta o prefeito Edivaldo", afirmou Carolina Estrela, presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana.

Entre outras finalidades, a ação de limpeza teve também o objetivo de contribuir para a proteção da saúde pública e da qualidade ambiental do Residencial Pinheiros; o descarte correto de pequenos volumes; a extinção dos lixões; além de estimular o reaproveitamento e a reciclagem de materiais descartáveis e propiciar à população um local específico para fazer a destinação do lixo reciclável acumulado em sua casa.

DESCARTE IRREGULAR

Uma área no bairro onde o descarte irregular de resíduos ainda é uma prática recorrente é a Rua 17, que é vizinha à Rua Dr. Ribeiro, onde está localizado o Ecoponto Residencial Esperança. "A população precisa entender que ela também tem responsabilidade na limpeza das ruas. Nós temos um local no bairro para receber entulho, mas ainda há pessoas que jogam na calçada, por isso, procuramos a Prefeitura para educar a população", disse Marcos Vinícius Costa Nunes, presidente da Associação dos Moradores do Residencial Pinheiros.

Segundo Carolina Estrela, o engajamento da população é fundamental para manter a cidade limpa. "O que nós, da Prefeitura de São Luís, estamos fazendo aqui hoje é uma ação pontual. Todos os dias temos equipes de limpeza cumprindo o cronograma dos bairros. Aqui no Residencial Pinheiros trouxemos um esforço operacional concentrado, mas estamos conversando com a comunidade que eles é que devem manter. Como eles já estão mobilizados não teremos dificuldades", disse.

ECOPONTO

O Residencial Pinheiros é um dos bairros atendidos pelo Ecoponto Residencial Esperança, o sétimo entregue pelo prefeito Edivaldo, atendendo também à demanda dos bairros Vila Fialho, Cohama, Cantinho do Céu, Conjunto Manoel Beckman, Vila 07 de Setembro, Residencial Esperança, Vila Regina, Residencial Primavera Turu, Vila Cruzado, Vila União e Recanto Fialho, beneficiando 40 mil habitantes.

Os Ecopontos são espaços disponibilizados à população para entrega voluntária de materiais descartáveis e inservíveis que não são recolhidos pela coleta convencional de lixo. O espaço recebe todo tipo de resíduos que não entram na coleta diária, como entulhos da construção civil, utensílios domésticos, móveis velhos, pneus e óleo de cozinha usado.

SAIBA MAIS

O que são Ecopontos?

Em São Luís, os Ecopontos são unidades de recebimento de pequenos volumes e possuem como objetivo proporcionar aos carroceiros um local regulamentado para a realização de destinação ambientalmente adequada de materiais recicláveis e resíduos não coletados através do serviço de coleta convencional, como resíduos de construção civil (RCC) e volumosos (restos de poda e capina).

Onde já tem Ecopontos?

- Ecoponto da Avenida dos Africanos Avenida dos Africanos, s/nº, Bairro de Fátima, entrada do Parque Amazonas;

- Ecoponto do Angelim Rua 27, s/nº (antes do Makro, próximo ao Restaurante Chico Noca);

- Ecoponto do Bequimão Avenida 1, s/nº, Bequimão;

- EcopontoTuru Travessa G, s/nº, Habitacional Turu;

- Ecoponto Jardim América Avenida 03, s/nº, Jardim América (Ao lado da União de Moradores)

- Ecoponto Jardim Renascença Rua Netuno, próximo à Paróquia de São Paulo Apóstolo

- Ecoponto Residencial Esperança Rua Doutor Ribeiro, s/nº, Residencial Esperança

Qual o horário de funcionamento dos ecopontos?

Segunda-feira à Sábado, das 7h às 18h

Que materiais são recebidos nos Ecopontos?

Plástico

Vidro

Papel

Metal (até 200 kg/dia por pessoa)

Gesso

Resíduos de construção civil

Resíduos de poda

Móveis velhos (até 2m³/dia por pessoa)

Pneus (2 unidades/dia por pessoa)

Óleo de cozinha (4 litros/dia por pessoa)

Madeira

Eletrônicos como TVs, monitores, celulares, mouses, impressoras, teclados etc.

Que materiais os Ecopontos não recebem?

Lixo doméstico

Animais mortos

Resíduo hospitalar

Resíduos perigosos/contaminados como pilhas/baterias, lâmpadas, cartucho de tinta, tonner, óleos e suas embalagens

Outras Informações:

Central de Atendimento do Comitê Gestor de Limpeza Urbana: 0800 098 1636.

 

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem