agencia

Notícias

Atualizado em 27/10/2017 às 14h38

Delegação maranhense na Ásia cumpre agenda de parcerias no Vietnã

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Delegação maranhense na Ásia cumpre agenda de parcerias no VietnãA Missão Ásia, promovida pelo governo do Estado em parceria com Prefeitura de São Luís, está em sua última etapa, no Vietnã, após várias visitas e diálogos na China e na Coreia do Sul. A delegação maranhense encerra uma vasta agenda de debates e fechamento de acordos de intercâmbio, favorecendo áreas como o turismo, a cultura, educação, comércio, agricultura e empreendedorismo.

"O objetivo da missão maranhense em terras asiáticas é a busca por parcerias que promovam melhor qualidade de vida às populações das cidades parceiras. Uma agenda muito positiva para São Luís e para o Maranhão. A nossa presença no Vietnã estabelece laços na área comercial, de produção e no turismo. Por essa razão, há o esforço conjunto do Estado e da Prefeitura de São Luís," destaca o vice-prefeito de São Luís, Julio Pinheiro, que representa o prefeito Edivaldo na missão.

A agenda da comitiva maranhense no Vietnã começou pela capital Hanói. Na reunião com o vice-ministro de Agricultura e de Desenvolvimento Rural, Le Quoc Doanh, o secretário de Agricultura do município de São Mateus do Maranhão, Clovis Bernardi, destacou o conhecimento técnico dos vietnamitas no cultivo do arroz.

"A nossa vinda aqui é para aprender e para trocar tecnologia com vocês, do Vietnã, sobre o cultivo de arroz. Em São Mateus do Maranhão, por exemplo, temos cultivado o arroz irrigado apenas com a água da chuva, algo único no Brasil. A nossa região chove muito, em períodos do ano bem distribuídos. Porém, a nossa produção é considerada baixa. Então, viemos aqui para ganharmos experiência nesse quesito", afirmou o secretário.

"O tamanho do Maranhão é o mesmo do Vietnã. Enquanto possuímos a capacidade de desenvolver projetos com destaque em ciência e tecnologia, o Maranhão apresenta terras férteis e infraestrutura para escoamento da produção, o que nos leva a crer em uma cooperação bilateral com grande êxito no futuro", prospectou o vice-ministro.

"Essa delegação do Maranhão é a primeira do Brasil a vir ao Vietnã à procura de oportunidades econômicas. E isso é muito importante. O Vietnã está crescendo a taxas enormes, tem grande abertura em relação ao Brasil e é muito importante que delegações como essa, que é uma delegação pioneira, venha explorar e abrir caminho para o relacionamento Vietnã - Brasil", enfatizou o embaixador do Brasil no Vietnã, Marco Antônio Brandão.

A comitiva do Maranhão também foi recebida pelo ministro das Relações Exteriores, Do Ba Khoa, que já esteve no Maranhão e foi recebido pelo governador Flávio Dino. O ministro reforçou o interesse do país em se aproximar do Maranhão e propôs a formalização dos projetos bilaterais entre o Estado e o Vietnã até janeiro do ano que vem. "Para nós, é de extrema importância firmarmos parcerias. Acreditamos no empenho do governo do Maranhão em se desenvolver e em escrever uma história que será um legado para as próximas gerações e queremos fazer parte desse novo capítulo", afirmou o ministro.

"Viajamos milhares de quilômetros, horas a fio, para estarmos aqui. Esse esforço certamente não será em vão. Sabemos onde queremos chegar e o caminho que temos percorrido mostrará que não estamos errados", disse o vice-governador Carlos Brandão.

CARTA DE INTENÇÕES EM CAN THO


De Hanói, a comitiva, também composta pela secretária de Turismo de São Luís, Socorro Araújo; a secretária municipal de Articulação, Ana Paula Rodrigues; pelos empresários Glauco Feitosa e Júnior Ramos; por diretores do Sebrae/MA, da Fapema e membros das secretarias de Pesca e Agricultura, de Cultura e de Turismo, do Estado, seguiu para a cidade de Can Tho, onde foi assinada uma carta de intenções, estabelecendo parcerias em várias áreas de crescimento econômico e social, como a cultura, o turismo, o comércio e a agricultura.

Nesta sexta-feira (27), a delegação maranhense já cumpre agenda em mais uma cidade do Vietnã, a histórica Huê, onde aconteceu uma das batalhas da Guerra do Vietnã, em 1968. A missão encerra neste sábado (28), na cidade de Ho Chi Minh.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem