agencia

Notícias

Atualizado em 04/12/2017 às 14h26

Prefeitura estimula formalização de pequenos negócios com a inauguração do Espaço do Empreendedor

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

 No local o empreendedor terá orientação sobre gestão de crédito e compras públicas entre outras

 

A Prefeitura de São Luís inaugurou, na manhã desta segunda-feira (4), o Espaço do Empreendedor, que oferecerá serviços necessários à formalização e funcionamento de micro e pequenos negócios. Localizado no Centro de Trabalho e Cidadania - Casa Brasil, no bairro Anjo da Guarda, o espaço foi idealizado pela Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento (Seplan) e tem a finalidade de beneficiar micros e pequenos empresários e futuros empreendedores da região Itaqui-Bacanga e do município. Além do poder público municipal, parceiros contribuem para a funcionalidade do espaço.

O Centro de Trabalho e Cidadania - Casa Brasil é fruto da parceria entre a Prefeitura de São Luís, por meio das secretarias municipais da Criança e Assistência Social (Semcas), Planejamento e Desenvolvimento (Seplan) e Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Trabalho, Emprego e Economia Solidária (Setres). A Casa foi inaugurada em setembro.

 

O vice-prefeito Julio Pinheiro esteve presente na solenidade de entrega do Espaço do Empreendedor e destacou o empenho do prefeito Edivaldo no estímulo à geração de trabalho e renda. "A Prefeitura está transformando este lugar em um espaço que possa ajudar a população. A legalização, a orientação e a capacitação oferecidas por este espaço permitirá que os trabalhadores possam ter sucesso nos seus negócios, promovendo um aquecimento econômico na região", enfatizou o vice-prefeito.

O secretário municipal de Planejamento, José Cursino, ressaltou a motivação do poder público para a implantação do espaço. "Essa é uma ação muito significativa da Prefeitura no que diz respeito à política para o desenvolvimento econômico local. Estamos inaugurando essa primeira sala em uma área com grande densidade populacional, trazendo para uma região que precisa gerar riqueza e emprego. Uma ferramenta de política pública da gestão do prefeito Edivaldo que vai ao encontro desse objetivo. O equipamento contribuirá para que os cidadãos sejam protagonistas de suas próprias vidas", disse o secretário.

 

SERVIÇOS

Através do Espaço do Empreendedor, os cidadãos terão à disposição serviços relativos à concessão de crédito; atendimento unificado da fiscalização municipal com vigilância sanitária, meio ambiente, tributos posturas e obras; exposição do mapa de oportunidades do município, com informações sobre incentivos fiscais; programas de regularização fiscal; treinamentos; realização de consulta; pesquisa em busca prévia de localização, preferencialmente, via sistema integrador da Redisim.

O espaço oferecerá, ainda, atendimento ao microempreendedor individual; declaração, com anual simplificada; oferta de microcrédito em parceria com instituições bancárias; realização de cursos, palestras e capacitações para empreendedores e servidores municipais. Outra parceria importante foi firmada com o Conselho de Contabilidade do Maranhão (CRC), que disponibilizará contabilistas para prestarem atendimentos gratuitos aos empreendedores locais.

A lavradora Fernanda Santos, 41 anos, foi uma das primeiras pessoas a buscarem atendimento no Espaço do Empreendedor. "Eu e meu marido estamos desempregados. Aqui, já nos orientaram a participar de uma palestra que vai ser realizada e eu espero que possam nos ajudar", disse Fernanda Santos.

 SOCIAL

Além do Espaço do Empreendedor, a Prefeitura, por meio da Semcas, também está presente na Casa Brasil e é responsável pela sala Espaço Digital (laboratório de informática), e duas salas de Inclusão Socioprodutivas, onde serão realizadas oficinas de orientação para o mundo do trabalho, bem como palestras e construção de oportunidades de qualificação. O trabalho na Casa Brasil está pautado por ações conjuntas no sentido de promover uma atuação integrada, com vistas à informação, orientação, acesso e inclusão da população ao mundo do trabalho.

O objetivo é contribuir para o desenvolvimento socioeconômico da população daquela região e especificamente dos atendidos pelos Centros de Referência e Assistência Social (Cras) e Centros de Referências Especializados de Assistência Social (Creas), do Anjo da Guarda, Vila Nova e Itaqui-Bacanga.

Para a titular da Secretaria da Criança e Assistência Social, Andréia Lauande a parceria tem foco na melhoria de vida da população. "Este espaço era ocupado em parceria com as Unidades dos Centros de Referência da Assistência Social do Anjo da Guarda e Vila Nova, promovendo diversas ações sociais para a comunidade em geral. Ampliamos essa parceria visando qualificar ainda mais o atendimento ao público de uma região grande e histórica de nossa cidade que é fundamental para dar visibilidade à Política de Assistência e de Trabalho. Os serviços a serem ofertados aqui, com certeza proporcionaram mais oportunidades para os moradores", declarou Andréia Lauande.

 

O atendimento funcionará em dois turnos - manhã e tarde - e terá o apoio dos servidores municipais das secretarias de Fazenda, Urbanismo, Meio Ambiente e Saúde, que foram capacitados pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e pela Junta comercial do Maranhão (Jucema) para realização dos atendimentos.

Representando o governador Flávio Dino na solenidade de entrega do espaço, o presidente da Jucema, Sérgio Sombra, ressaltou o papel do Estado na ação. "Essa parceria foi fundamental para a capacitação dos agentes de desenvolvimento que atuarão neste equipamento, que beneficiará uma população de mais de 200 mil habitantes", afirmou. "Nossa intenção é colaborar com a difusão da cultura empreendedora", acrescentou João Martins, superintendente do Sebrae.

 PARCEIROS

Além do Sebrae, Jucema e Conselho de Contabilidade, também são parceiros do Espaço do Empreendedor o Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Banco do Nordeste do Brasil. Participaram da solenidade de inauguração representantes das entidades parceiras; os secretários municipais Pablo Rebouças (Governo) e Andréia Lauande (Criança e Assistência Social); o secretário de Estado do Trabalho e Economia Solidária, Julião Amin; e representantes do Conselho Municipal do Trabalho e da Associação Comercial do Maranhão.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem