agencia

Notícias

Quinta-feira, 07/12/2017 - 16h59

Acolhidos de abrigos da Prefeitura de São Luís visitam Porto do Itaqui

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Acolhidos conhecem dinâmica do Porto do Itaqui durante visita
Parceria entre a Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas) e a Empresa Maranhense de Administração Portuária (EMAP), garantiu a cerca de 30 acolhidos das Unidades de Acolhimento - Abrigo Institucional para Pessoa em Situação de Rua, Abrigo Luz e Vida e Casa de Acolhida Temporária - uma visita ao Porto do Itaqui. A iniciativa proporcionou aos acolhidos uma nova perspectiva, a partir da imersão em uma empresa de grande porte, bem como, um momento de socialização. Além de serem apresentados à dinâmica do local, eles fizeram um tour pela área primária do Porto.

"Nós temos buscado diversas instituições capazes de nos auxiliar a desenvolver ações para o público dos abrigos da Semcas. Louvamos esse tipo de iniciativa e esperamos que outras possam surgir. Esse é um momento ímpar para essas pessoas, especialmente, as que se encontram em situação de rua, por serem tão estigmatizadas", comentou o coordenador do Abrigo Institucional para Pessoa em Situação de Rua, George Costa, que acompanhou a visita.

Para Domingos Sávio Santos, 34 anos, há dois meses no Abrigo para População em Situação de Rua, a visita é a realização de um sonho. "Desde criança eu via de longe os navios e hoje tive a chance de realizar um sonho. Estou feliz e grato", disse.

O Porto do Itaqui mantém o projeto Porto Comunidade, que entre as suas ações, recebe semanalmente grupos para visitação. Katia Azevedo, assessora técnica do setor de Responsabilidade Social fala da visita de um púbico tão diferenciado. "Nós temos feito um esforço para proporcionar para públicos com dificuldade de acesso, esse momento. Essa proposta nasceu quando fizemos uma ação com voluntários no abrigo para população em situação de rua. Então surgiu a possibilidade de ampliar e possibilitar essa aproximação", explicou.

ACOLHIMENTO INSTITUCIONAL

Por meio da execução direta, a Semcas mantém cinco Unidades de Acolhimento: Casa de Acolhida Temporária voltada para abrigamento de famílias e adultos; a Residência Inclusiva, exclusiva para pessoa adulta com deficiência; o Abrigo Luz e Vida que acolhe adolescentes; a Casa de Passagem direcionada a crianças de 0 a 12 anos; e o Abrigo Institucional para Pessoa em Situação de Rua do sexo masculino.

Já pela execução indireta, a Secretaria mantém convênio com duas instituições para atendimento de crianças, adolescentes e adultos, são elas: grupo Solidariedade é Vida e Servos da Divina Providência\Lar Calábria, esta última executando o acolhimento em quatro Casas Lares. Quem tiver interesse em fazer parcerias juntos aos abrigos pode ligar para a Central de Acolhimento no número (98) 98865-0272.

Acesse aqui a galeria de imagtens desta reportagem