agencia

Notícias

Atualizado em 02/02/2018 às 15h48

Crianças assistidas pelo Serviço Social da Prefeitura participam de oficina de máscara carnavalesca

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

A oficina foi promovida em parceria com o grupo Potiguar Uma oficina de criação de máscaras carnavalescas beneficiou crianças e adolescentes da Vila Luizão atendidos pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV). O serviço é executado pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), e, na região, as atividades acontecem no Centro de Convivência do bairro. A iniciativa foi realizada em parceria com o grupo Potiguar e é mais uma das ações desenvolvidas com o objetivo de favorecer as crianças atendidas pelo serviço.

"A atividade, além de ser inovadora, promove a sustentabilidade e a valorização dessa arte ludovicense produzida durante o Carnaval e incentiva as crianças a conhecerem e respeitarem a nossa cultura local. O trabalho desenvolveu, ainda, a criatividade, fazendo com que cada um personalizasse sua máscara", disse Selmira Lisboa Silva, diretora do Centro de Convivência da Vila Luizão.

A oficina faz parte do projeto Arte e Sustentabilidade – Criando Possibilidades. Durante as atividades, membros da comunidade confeccionaram máscaras de fofão, personagem tradicional das festas carnavalescas. Para a produção, foram utilizados materiais recicláveis como papelão, jornais, revistas e encartes, visando à sustentabilidade.

Representando o Marketing das lojas do grupo Potiguar, Camila Brasil, explicou a proposta da parceria e do projeto. "A oficina de máscaras conta com o apoio de uma artesã e teve o objetivo de fortalecer o vínculo com a comunidade. Utilizamos materiais de divulgação que não seriam mais utilizados em nossas lojas, possibilitando uma nova destinação a esse material, favorecendo também a sustentabilidade", ressaltou.

As crianças e os adolescentes atendidos pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) na Vila Luizão avaliaram positivamente a realização da oficina. "Eu gostaria de agradecer pela oportunidade de participar dessa oficina", disse Micaely da Silva Andrade, 10 anos, que também é beneficiada com outras atividades que são oferecidas pelo serviço. "Aqui participo de outras atividades como capoeira, música e dança. Gosto muito de estar aqui", contou.

SERVIÇO DE CONVIVÊNCIA

Na Vila Luizão, o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) atende cerca de 120 crianças e adolescente, de 7 a 17 anos. Em São Luís, mais de cinco mil pessoas são atendidas pelo trabalho que tem o objetivo de fortalecer as relações familiares e comunitárias, promovendo a integração e a troca de experiências entre os participantes. As atividades, desenvolvidas em 60 bairros da cidade, possuem um caráter preventivo e são sempre pautadas na defesa e afirmação dos direitos, como forma de enfrentamento para a vulnerabilidade social.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem