agencia

Notícias

Domingo, 29/04/2018 - 10h34

Prefeitura de São Luís firma parceria com Abrinq para formação de professores da rede municipal

Ação integra o programa Protegendo Sonhos, que visa melhorar o desempenho de alunos dos anos finais do Ensino Fundamental; primeira formação ocorreu esta semana

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Secretário Moacir Feitosa e representante da Abrinq durante assinatura do convênioA Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), firmou parceria com a Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança e do Adolescente para ofertar treinamento aos profissionais da educação da rede municipal por meio do programa Protegendo Sonhos. A assinatura do convênio ocorreu esta semana, bem como a primeira das oito formações voltadas para professores e coordenadores pedagógicos, sendo quatro presenciais e quatro à distância, as quais serão realizadas em 2018 e 2019. 

"Estamos garantindo, com mais essa formação, em parceria com a Abrinq, mais qualidade a educação, como requer a política educacional instituída pelo prefeito Edivaldo, a partir de uma maior qualificação dos educadores da rede", assinalou o titular da Semed, Moacir Feitosa, que recebeu os representantes da Fundação Abrinq, em seu gabinete, para a assinatura do convênio do programa Protegendo Sonhos.

O objetivo do programa Protegendo Sonhos é melhorar o desempenho de alunos dos anos finais do Ensino Fundamental em leitura, escrita e matemática, por meio da formação de professores, doação de kits pedagógicos e realização de eventos simultâneos entre professores e alunos. Em princípio, foram selecionados para participar da formação, docentes de sete Unidades de Educação Básica (U.E.B.) do município de São Luís, sendo uma escola de cada núcleo: Primavera (Anil), Rubem Almeida (Coroadinho), Alberto Pinheiro (Centro), Menino Jesus de Praga (Turu-Bequimão), Rosália Freire (Itaqui-Bacanga), Santa Clara (Cidade Operária), e Haydee Chaves (zona rural).

A primeira formação ocorreu nesta semana e reuniu, aproximadamente, 30 professores e coordenadores pedagógicos da rede municipal de educação e orientadores sociais da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), no auditório da Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Luís Viana, na Alemanha.

Na ocasião, a consultora da Fundação Abrinq, Andrea Marinho e a assistente técnica de Projetos em Educação da referida instituição, Carla Borba Lerner, traçaram as linhas gerais do programa Protegendo Sonhos, com seus objetivos, ações e resultados esperados, e falaram de várias temáticas transversais, como adolescência, protagonismo, contextos de vida, relações étnico-raciais e questões de gênero dentro das escolas, que são de suma importância hoje para o desenvolvimento e aprendizagens dos estudantes.

AÇÕES PRÁTICAS

De acordo com a assistente técnica de Projetos em Educação da Fundação Abrinq, Carla Virgínia Borba Lerner, uma das respostas à formação do programa Protegendo Sonhos é desenvolver ações práticas, com foco na oralidade, escrita e matemática, voltadas para a realidade em que as escolas estão inseridas. Ela conta que além de São Luís, a Fundação firmou parcerias com outras três capitais: Salvador, São Paulo e Vitória. "Nossa visão é contribuir para a melhoria do desempenho escolar de estudantes", explica Carla Lerner.

As professoras Maria de Jesus Gaspar Leite, secretária Adjunta de Ensino (SAE/Semed), e Arsênia Formiga, Superintendente da Área de Ensino Fundamental (SAEF/Semed), agradeceram a participação dos professores e coordenadores e a parceria da Fundação Abrinq.

O professor de Matemática Roberto Wagner Santos Silva, da U.E.B. Haydee Chaves (Vila Esperança), parabenizou a iniciativa, destacando a forma atrativa como foi repassado o conteúdo da oficina. "As formadoras estão conseguindo humanizar o conteúdo, o que para nós, professores de matemática, é muito importante. Isto nos estimula a participar das demais formações", afirmou.

PROTEGENDO SONHOS

Criada em 1990, a Fundação Abrinq pelos Direitos da Criança e do Adolescente (da Associação Brasileira dos Fabricantes de Brinquedos - Abrinq) é uma organização sem fins lucrativos que tem como missão promover a defesa dos direitos e o exercício da cidadania de crianças e adolescentes. O programa contribuirá com a qualificação e inovação de práticas leitoras, escrita e matemática em 20 escolas municipais de Ensino Fundamental (6º ao 9º ano).

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem