agencia

Notícias

Sábado, 05/05/2018 - 10h27

Estudantes do Núcleo de Altas Habilidades da Prefeitura participam de oficina de robótica no Iema

Ação é resultado de parceria entre a Prefeitura de São Luís e o Governo do Estado e visa oferecer, durante o ano letivo, atividades de enriquecimento curricular para desenvolver as habilidades dos estudantes municipais

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

A parceria vai desenvolver o conhecimento lógico, físico e matemático dos estudantes do NEECAHSUm total de 26 alunos do Núcleo de Enriquecimento para Estudantes com Características de Altas Habilidades/Superdotação (NEECAHS), da Prefeitura de São Luís, iniciou, na manhã desta sexta-feira (4), oficina de aperfeiçoamento na área de robótica no laboratório do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (Iema). A ação é resultado de uma parceria entre a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e o Governo do Estado, via Iema que visa oferecer, durante o ano letivo, atividades de enriquecimento curricular para desenvolver as habilidades dos estudantes municipais.

"A parceria vem para aprofundar os conhecimentos dos estudantes com finalidade de assegurar a inclusão escolar e a permanência de todos com igualdade de oportunidades, participação e aprendizagem na escola", disse o titular da Semed, Moacir Feitosa.

A coordenadora do NEECAHS, Sandreliza Mota, frisa que a parceria potencializará os conhecimentos das crianças. "É um avanço para as nossas crianças que vão enriquecer e potencializar mais ainda a área de interesse deles, de lógica e matemática. Os estudantes têm boa memória e facilidade para área". No Núcleo, os estudantes recebem atendimentos individuais ou em grupos, de acordo com a especificidade, habilidade, potencialidade e área de interesse da criança. Durante os atendimentos, são exploradas diversas áreas do conhecimento", explica Sandreliza Mota.

O professor de Educação Física e Robótica Educacional do Iema, Tiago Gomes Alves, ressalta a parceria entre a Semed e o Iema. "A nossa ideia é de replicar o conhecimento com as diversas parcerias que temos. A parceria com a Prefeitura vai desenvolver ainda mais a absorção do conhecimento lógico, físico e matemático dos estudantes do NEECAHS. Aqui, as crianças vão aprimorar seus conhecimentos acadêmicos da escola normal. Os estudantes estão muito comprometidos, está sendo surpreendente para gente o nível de raciocínio lógico muitas vezes acima da média desses estudantes", comentou.

A estudante da Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Matos Carvalho, Angélica Vanessa Oliveira Miranda, 10 anos, pretende aprender mais sobre robótica e programação. "Gostei muito da escola, começamos as atividades com um aplicativo igual ao Scratch que já usei no NEECAHS. É muito legal e eu quero ter mais conhecimento para fazer meus jogos. Aqui eu vou conseguir mais estudo para concluir meus projetos".

INCLUSÃO

O professor de Música e Xadrez do NEECHAS, Marcos André Freire Freitas, ressalta que a iniciativas como esta promovem a inclusão. "A oficina realizada direto no laboratório vai aguçar a potencialidade deles. Eles também precisam ser incluídos, já que se destacam de uma forma acima da média em relação aos demais, o que por diversas maneiras pode afastá-los dos colegas", reitera.

O estudante da U.E.B. Jose Assub, Guilherme Antone Santos dos Santos, 13 anos, estava empolgado. "O laboratório é fantástico, tenho certeza que vou aprender mais sobre programação e robótica porque eu gosto muito de programar. Eu já fiz um protótipo de jogo no NEECAHS, lá também é muito legal, gosto de conversar com meus amigos e professores".

KIT DE INFORMÁTICA

Ainda por meio de uma parceria com o Iema, o NEECAHS recebeu um kit para aperfeiçoamento das atividades na área da robótica. O equipamento contribuirá para fortalecimento do projeto Tecnologia Criativa, do Grupo de Enriquecimento da área Lógico-Matemática.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem