agencia

Notícias

Terça-feira, 22/05/2018 - 15h45

Prefeitura promove palestra sobre higiene e cuidados pessoais para população em situação de rua

Ação ocorreu em parceria com o Serviço Social do Comércio e reuniu atendidos pelo Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua Cohab/Anil

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Ação da Prefeitura reuniu na sede do Centro Pop Cohab/Anil população em situação de ruaA Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), promoveu, na manhã desta terça-feira (22), palestra de orientações quanto aos cuidados e higiene pessoal para pessoas em situação de rua que são acompanhadas pelo Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP) Cohab/Anil. Realizada na sede da unidade, a palestra ocorreu em parceria com o Serviço Social do Comércio (Sesc).

"Nos últimos anos, com a garantia de serviços qualificados temos trabalhado para tirar esse público da invisibilidade, reconhecendo que se trata de um compromisso do poder público e da sociedade em geral garantir direitos a este segmento. Com a orientação do prefeito Edivaldo, temos buscado parcerias no intuito de orientar e qualificar essas pessoas, para a superação dessa condição, contudo, é necessário entender que as pessoas têm a liberdade de aderirem ou não ao acompanhamento", explicou a secretária da Semcas, Andréia Lauande.

O Centro POP representa espaço de referência para quem utiliza as ruas como espaço de moradia ou sobrevivência. Deve promover o acesso à higiene pessoal, alimentação e provisão de documentação e o acompanhamento com psicólogos, assistentes sociais e pedagogos. Realiza, ainda, o encaminhamento a outras políticas públicas, inserção em cursos de qualificação profissional e no mercado de trabalho.

ATENDIMENTOS

A palestra foi uma das 12 ofertadas este ano pelos dois Centros Pops, localizados no Centro e Cohab/Anil, que atenderam juntos mais de trezentas pessoas nos primeiros quatro meses de 2018. Neste período foram promovidos dois cursos de Corte e Costura, tendo como público-alvo principal a população em situação de rua. Em conjunto com essas ações, também foram inseridas cerca de 300 pessoas no CadÚnico e 233 pessoas acompanhadas estão recebendo o Bolsa Família.

Acompanhado há três anos pelo Centro Pop Cohab/Anil, L. R. F. , 39 anos, utilizou a rua como espaço de moradia por oito anos, após ser expulso de casa, em função da dependência química. "Eu dei muito trabalho. Abandonei várias vezes os tratamentos nas unidades especializadas para dependentes químicos que o Centro Pop me encaminhava. Aqui eu tenho encontrado todo o apoio. Me ajudaram a reaver meus documentos, fiz cursos, estou recebendo o Bolsa Família e eles estão sempre em contato com minha mãe, foi assim que ela me aceitou de volta," comentou. Após um ano sem usar drogas, em tratamento na Fazenda Esperança, no município de Coroatá, L. R. F. afirma querer uma vida diferente com trabalho novo e reconstrução dos laços familiares com a mãe e os três filhos.

I. C. L. e o marido foram atendidos pelo Centro Pop

A história de I. C. L. 42 anos, não é muito diferente. Dos 17 aos 35 anos trabalhou como empregada doméstica até viciar no craque. Ela e o marido perderam emprego e se afastaram da família. Sobreviveram na rua por sete anos. Há três meses chegaram ao Centro Pop Cohab/Anil em busca de ajuda. Nesse período, o casal conseguiu a emissão dos documentos e revisão do processo dela no 'Minha Casa, Minha Vida'. Frequentam o espaço duas vezes por semana. "Nós temos uma neta de um ano e com seis meses de vida dela nós sentimos necessidade de mudar o rumo das coisas para fazer parte da história da minha neta. Sem ajuda daqui tudo seria mais difícil", afirmou I. C. L.

Ainda como atendimento a esse segmento, a Semcas possui o Serviço Especializado em Abordagem Social que, por meio de uma equipe de Educadores Sociais de Rua, aborda e identifica as pessoas nos logradouros públicos e realiza encaminhamentos para rede de serviços socioassistenciais e de outras políticas públicas, de acordo com as demandas apresentadas. Possui também um Abrigo institucional para Pessoa em Situação de Rua do sexo masculino.

COMITÊ MUNICIPAL

O município de São Luís instituiu, por meio do Decreto n° 46.310, de 28 de novembro de 2014, o Comitê Gestor Intersetorial de Acompanhamento e Monitoramento da Política para a População em Situação de Rua no município de São Luís – Comitê Pop Rua.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem