agencia

Notícias

Segunda-feira, 24/09/2018 - 09h29

Intervenções estratégicas da gestão do prefeito Edivaldo dão mais fluidez ao trânsito de São Luís

Obras realizadas nas principais avenidas e corredores de tráfego da capital possibilitam mais agilidade ao trânsito e trazem mais segurança a motoristas e pedestres; ações integram a política pública de mobilidade urbana da gestão do prefeito Edivaldo

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Intervenções garantem mais fluidez ao trânsito e mais segurança para motoristas e pedestres

A exemplo de muitas cidades e capitais brasileiras, São Luís tem o desafio de promover investimentos que resultem na melhoria da mobilidade urbana e garantam mais qualidade de vida para a população. Nos últimos anos, a gestão do prefeito Edivaldo vem trabalhando para superar esse desafio com intervenções viárias em diversos pontos da capital, sobretudo nas vias de maior tráfego de veículos como as avenidas Guajajaras, Colares Moreira, Jerônimo de Abuquerque, São Luís Rei de França e Holandeses. 

Segundo dados do Departamento de Trânsito do Maranhão (Detran) a capital maranhense conta atualmente com uma frota de mais de 390 mil veículos, 20% a mais do que em 2013, quando o prefeito Edivaldo assumiu a Prefeitura de São Luís em seu primeiro mandato e começou a promover as mudanças nesta área. São Luís - que tem uma população superior a um milhão de habitantes - é a 15ª cidade mais populosa do país e tem a 4ª maior população do Nordeste. A melhoria da mobilidade urbana tem, segundo os estudiosos da área, forte impacto na qualidade de vida e na economia da cidade.

"As melhorias são fruto de planejamento e de um trabalho organizado que estamos promovendo em diversas vias de fluxo intenso da capital e que tem melhorado o trânsito nestes locais, tanto para condutores, quanto para pedestres. São intervenções importantes que contribuem para a mobilidade urbana, para o melhor reordenamento do tráfego nos principais corredores da cidade, redução dos engarrafamentos e proporciona bem-estar para a população", reforçou o prefeito Edivaldo. 

Segundo especialistas, a melhoria na mobilidade urbana impacta positivamente na qualidade de vida da população e na economia da cidade. Com este entendimento é que a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT) tem pensado as mudanças no trânsito da capital. 

"Ficou muito melhor, ainda mais para quem vem da Cidade Operária com destino à Cohab. O engarrafamento nesse pedaço praticamente não existe mais. Essa obra aí deu resultado, sem dúvidas", pontuou o taxista Nilton Ribeiro, 56 anos, sobre a intervenção que contemplou o principal corredor viário do bairro São Cristóvão. Na intervenção, houve retirada da rotatória e instalação de um conjunto semafórico de dois tempos.

Realizada pela Prefeitura de São Luís, a obra se soma a uma série de outras promovidas na gestão do prefeito Edivaldo, pela melhoria na mobilidade urbana da capital. Grandes e importantes complexos de transporte foram reordenados, garantindo mais fluidez ao trânsito e maior segurança a condutores e pedestres. 

A Prefeitura vem promovendo uma verdadeira mudança no trânsito da capital, uma vez que tem feito um trabalho de reorganização do fluxo em corredores de transporte de grande movimentação e que precisavam de mais fluidez, pontuou o secretário municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), Canindé Barros. Ele citou as mudanças na Jerônimo de Albuquerque, corredor específico da cidade que necessitava de várias intervenções; e o trabalho promovido na entrada da cidade, entre outros. Algumas das intervenções tiveram a parceria da Secretaria de Estado da Infraestrutura.

"São trechos e corredores que precisavam de maior agilidade e ganharam com estas intervenções da gestão municipal. Todas estas obras foram pensadas para criar fluidez nos pontos mais congestionados e com isso, ganhamos também mais agilidade no transporte coletivo que soma às ações pelos 406 anos da nossa cidade", reforçou Canindé Barros.

SÃO CRISTÓVÃO

A modificação no São Cristóvão está entre as intervenções mais significativas. A fluidez no tráfego se percebe com a mudança que alterou o acesso de quem vai para a Cidade Operária, a partir da Avenida Guajajaras. A via agora é de mão única do terminal de integração do São Cristóvão à Guajajaras, o que confere mais agilidade ao trânsito. A alteração inclui ainda um retorno de quadra com acesso à Avenida 2, no sentido Cidade Operária, significando mais agilidade no trajeto. "Trabalho há oito anos passando por este trecho e percebi que com essa mudança o trânsito andou. Está fluindo melhor e tem muito menos engarrafamentos", destacou o taxista Nilton Ribeiro.

Mais fluidez também com as modificações promovidas no cruzamento entre as avenidas Guajajaras e Santos Dumont, ainda no bairro São Cristóvão. A melhoria reduziu o congestionamento e agilizou o fluxo naquele corredor de transporte. Foram eliminadas rotatórias da rua em frente à Paróquia de São Cristóvão e no fechamento do retorno no sentido Aeroporto/Avenida Santos Dumont; e instalados dois semáforos de três tempos de abertura e implantado retorno de quadra que dá acesso a Santos Dumont.

As mudanças garantiram mais satisfação para o trabalho do estivador Luís Henrique Mendes da Cruz, 56 anos, que há mais de duas décadas trabalha nas proximidades do Aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machado, no Tirirical – outro trecho reorganizado. "Antes dessa intervenção, os engarrafamentos aqui eram toda hora. Qualquer coisa, o trânsito parava. Com essa obra ficou muito mais rápido, de verdade, mesmo nos horários de maior pico", afirma. No local foi retirada a rotatória, criadas duas faixas de rolamento sentido bairro e saída da cidade e implantados semáforos de acesso à Avenida dos Franceses. "O trânsito está mais tranquilo", reitera.

As mudanças promovidas pela Prefeitura tornou mais ágil o tráfego no Aririzal. Foi criado um retorno que dá acesso à Avenida Daniel de La Touche. No local, a Prefeitura construiu um prolongamento da pista de retorno da Cohama. O comerciante José Nilton Nogueira, 44 anos, que tem um pequeno negócio próximo ao cruzamento da via, elogiou a alteração, "essa modificação melhorou para quem anda de carro. Agora, o trânsito flui e melhorou consideravelmente", enfatiza.

BEQUIMÃO

Na Avenida Jerônimo de Albuquerque, próximo ao Hospital São Domingos, bairro Bequimão, um dos corredores de transporte mais críticos da capital, recebe intervenção da Prefeitura que trará significativas melhorias para condutores e pedestres. A obra está em andamento e será feito o alargamento da rotatória da Cohab até a subida do Bequimão e a iluminação pública que é aérea, será toda substituída por fiação subterrânea.

O mototaxista Edvan dos Santos, 46 anos, aprovou as melhorias, que, para ele, melhoraram o fluxo dos veículos e o trabalho que ele desenvolve. "A nova sinalização com essas faixas bem visíveis e o semáforo bem localizado trouxe mais organização para o trânsito e mais segurança para os pedestres, além de diminuir o engarrafamento. Para mim, ficou mais fácil a clientela se aproximar", disse o mototaxista.

As melhorias impactaram ainda na Avenida Lourenço Vieira da Silva, altura da Forquilha, em cuja extensão as obras tiveram parceria com a Secretaria de Estado da Infraestrutura. No local, foi eliminada a rotatória, criadas duas alças de retorno para o Anil e Cohab e implantado grupo semafórico de dois tempos nos sentidos Maiobão-Anil/Anil-Maiobão. O trecho recebeu também drenagem profunda, novos retornos, divisão do fluxo de veículos, novo asfalto, além da construção de calçadas, meios-fios e sarjetas.

"É mais segurança para quem anda por aqui a pé ou de carro. Porque antes o trânsito era muito confuso e arriscado. Agora, com essa sinalização, tanto o condutor, quanto o pedestre estão bem orientados nesse local", pontuou o motorista de ônibus Joel de Jesus Bogea, 56 anos, há 28 anos na profissão e percorrendo este trecho.

o motorista de ônibus Joel Bogea dirige há 28 anos no trecho do Bequimão que recebe intervenção da Prefeitura 

MAIS INTERVENÇÕES

A Prefeitura promoveu, ao longo da gestão do prefeito Edivaldo, intervenções na Avenida São Luís Rei de França (Turu), Avenida Africanos com Franceses/Avenida Africanos com Parque Timbiras, Curva do 90 (Vinhais), entrada do Cohatrac, Avenida Carlos Cunha (Jaracaty), Anel Viário e Bacanga, entre outros.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem