agencia

Notícias

Quinta-feira, 20/09/2018 - 14h30

Prefeitura convoca idosos e pessoas com deficiência para inscrição e atualização no CadÚnico

Assistidos pelo Benefício de Prestação Continuada têm até o dia 31 de dezembro para regularizar situação, o que pode ser feito nos Centros de Referência da Assistência Social da capital

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Beneficiários idosos ou com deficiência podem regularizar situação até o fim de dezembro em unidades dos CrasA Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), convoca os idosos acima de 65 anos e pessoas com deficiência, que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC), para realizarem a inscrição ou atualização cadastral no Cadastro Único para programas sociais do Governo Federal (CadÚnico). Os beneficiários têm até 31 de dezembro para procurar os Centros de Referência da Assistência Social (Cras) da capital.

Segundo a secretária adjunta de Gestão da Semcas, Nazareth Garcez, desde o ano passado tem sido solicitado aos idosos que façam sua inscrição no CadÚnico. Agora, além dos idosos, as pessoas com deficiência também precisam fazer o cadastro. "É fundamental que as pessoas entendam que elas precisam se cadastrar ou fazer a atualização para que consigam continuar recebendo regularmente o benefício. Esse processo é uma determinação do Ministério do Desenvolvimento Social, então é obrigatório", alertou Nazareth Garcez.

Para a realização desse processo de cadastramento, os idosos e portadores de deficiência precisam procurar um dos 20 Centros de Referência de Assistência Social (Cras) do município para evitar a perda do benefício.

Segundo o idoso Domingos Bogéa, 65 anos, que realizou sua inscrição no CadÚnico no Cras do bairro Bequimão, o BPC mudou sua vida porque o mesmo veio do interior para a capital maranhense, mora em casa alugada e não tinha uma renda fixa até conseguir receber o benefício. "Mudou a minha vida para melhor, porque já é uma ajuda para pagar as contas", disse o beneficiário.

DOCUMENTOS

Para realizar o cadastro, os idosos e as pessoas com deficiência precisam estar munidos de RG, CPF, título eleitoral, carteira de trabalho e comprovante de residência atualizado, caso seja maior de 18 anos; certidão de nascimento ou RG e CPF, declaração escolar atualizada (a partir de 6 anos), carteira de vacinação (0 a 6 anos) e termo de guarda ou responsabilidade, para o caso de netos, sobrinhos e outros, para se inscrever no CadÚnico e garantir a continuidade do benefício.

O Benefício da Prestação Continuada (BPC), é a garantia de um salário mínimo mensal ao idoso com 65 anos ou mais ou à pessoa com deficiência de qualquer idade com impedimentos de natureza física, mental, intelectual ou sensorial de longo prazo, que o impossibilite de participar de forma plena e efetiva na sociedade, em igualdade de condições com as demais pessoas. Um dos requisitos para que o benefício seja recebido é a inscrição no Cadastro Único e o não cadastramento implica na perda do benefício.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem