agencia

Notícias

Quarta-feira, 06/03/2019 - 20h00

Favela do Samba é a grande campeã do Carnaval de Passarela 2019

Nos cinco dias de programação, organizada pela Prefeitura de São Luís e Governo do Estado, a Passarela do Samba recebeu cerca de 150 mil pessoas

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

   Sob o brilho de um cometa chamado Jesiel!'. Esse foi o enredo que levou a Favela do Samba ao 19° título de campeãA Favela do Samba foi a grande campeã do Carnaval de Passarela 2019. A escola conquistou o 19° título de campeã do Concurso de Passarela. Com muito brilho e alegria, a escola desfilou com o enredo 'Sob o brilho de um cometa chamado Jesiel!'. Os desfiles das escolas de samba fez parte da programação do Carnaval de São Luís que, promovido pela Prefeitura de São Luís e Governo do Estado, reuniu 150 mil pessoas em cinco dias de festa na passarela.

"Foram cinco dias em que escolas de samba, blocos tradicionais e organizados, tribos de índio, alegoria, turmas de samba e blocos afro desfilaram na Passarela do Samba, no Anel Viário. Parabenizamos a Favela do Samba, escola de samba campeã do Carnaval 2019, junto com os blocos tradicionais Os Apaixonados e Os Imbatíveis e o bloco organizado Dragões da Madre Deus. Agradecemos a todos os grupos carnavalescos que, com muita alegria e samba no pé, tornaram nossa Folia de Momo mais cheia de brilho e cor", destaca o secretário municipal de Cultura, Marlon Botão.

O enredo 'Sob o brilho de um cometa chamado Jesiel!' foi feito em homenagem ao designer e publicitário maranhense Jesiel Pontes, que foi vítima de um latrocínio, roubo seguido de morte, em março de 2018, aos 52 anos. "A Favela fez um desfile tecnicamente perfeito, uma linda homenagem baseada no mapa astral do Jesiel e o resultado não podia ser diferente. Obrigado a toda a nação favelense", agradece, emocionado, o presidente da escola de samba, João Moraes.

Foi uma disputa apertada em que a Favela do Samba conseguiu o título com 269 pontos, a apenas quatro décimos de diferença da segunda colocada, Flor do Samba (268,6), seguida pela Turma da Mangueira (268), Marambaia (266,9) e Turma do Quinto (266,8).

Os jurados avaliaram enredo, performance de mestre-sala e porta-bandeira, alegorias e adereços, bateria, fantasia, evolução e conjunto, letra e samba, melodia e comissão de frente. A pontuação também considerou as análises das comissões de cronometragem sobre dispersão, verificação e obrigatoriedade.

A apuração foi realizada pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Secult), em parceria com representantes das agremiações carnavalescas.

A apuração dos concursos, que também incluiu Blocos Tradicionais e Blocos Organizados, aconteceu na quarta-feira (6), no Teatro Alcione Nazaré, no Centro de Criatividade Odylo Costa, filho, na Praia Grande.

Os Apaixonados levou o título de campeão dos Blocos Tradicionais do Grupo A, com o tema 'Blocos Tradicionais do Maranhão, nossa história, minha paixão'. O grupo é sediado no bairro Cohatrac e alcançou 149 pontos. Esta é a quarta vez que o bloco é campeão do Carnaval, as outras aconteceram em 2015, 2016 e 2018. O primeiro colocado foi seguido de Príncipe de Roma (148,2), Os Foliões (148), Os Tremendões (148) e Reis da Liberdade (147,9).

"Foi uma apresentação tranquila, ensaiamos bastante, as fantasias foram feitas com antecedência pelos próprios componentes do grupo. Agradeço também ao compositor do grupo, Luzian Filho", declara o comandante da bateria do bloco, Robson Barros.

Um décimo de diferença apenas separou o campeão dos Blocos Tradicionais do Grupo B, Os Imbatíveis (149,9) do segundo colocado Os Diplomáticos (149,8). Logo depois vieram Vinagreira Show (149,1), Dragões da Liberdade (148,2) e Os Gaviões do Ritmo (148).

O presidente do bloco Os Imbatíveis, Thiago Rodrigues, explica que o samba-tema deste ano é 'Gonçalves Dias: Amor imbatível ao índio brasileiro'. "A gente da comunidade do Lira trabalhou o ano todo para conseguir esse mérito. Muito obrigado a cada componente, harmonia, bateria, à direção do bloco e a todos os envolvidos. Agora que vamos entrar no grupo A, precisamos fazer um trabalho ainda mais diferenciado", compartilha.

Os quesitos avaliados pelos jurados para os blocos tradicionais dos grupos A e B foram fantasia, ritmo, evolução e conjunto, letra e melodia.

Dentre os nove concorrentes na disputa entre os Blocos Organizados, o vencedor foi o Dragões da Madre Deus, que tirou nota máxima em todos os quesitos, alcançando 100 pontos. Em seguida, vieram Unidos da Vila Isabel (96,3), Turma do Saco (94,5), Os Liberais (92,9) e Pau Brasil (92). O bloco Unidos do Porto Grande se apresentou, mas não concorreu porque houve atraso durante a apresentação.

O samba-tema do Dragões da Madre Deus foi 'Bumba meu leão devorador', em homenagem a Zé Alberto, cantador de Bumba meu boi do Maranhão. "A vitória é resultado de várias noites de dedicação. Temos um forte projeto de reciclagem na comunidade e utilizamos materiais recicláveis para fazer as fantasias", conta o intérprete e vice-presidente do Bloco, Cecel Mix. Os blocos organizados foram avaliados pelos critérios fantasia, bateria, evolução e conjunto, letra e melodia.

APURAÇÃO PASSARELA DO SAMBA 2019

ESCOLAS DE SAMBA
1 - Favela do Samba - 269
2 - Flor do Samba - 268,6
3 - Turma de Mangueira - 268
4 - Marambaia - 266,9
5 - Turma do Quinto - 266,8
6 - Império Serrano - 265
7 - Mocidade Independente da Ilha - 260,6
8 - Túnel do Sacavém - 260,2
9 - Unidos de Fátima - 258,5
10 - Terrestre do Samba - 256,1

BLOCOS TRADICIONAIS GRUPO A
1 - Os Apaixonados - 149
2 - Príncipe de Roma - 148,2
3 - Os Foliões - 148
4 - Os Tremendões - 148
5 - Reis da Liberdade - 147,9
6 - Os Baratas - 147,8
7 - Tropicais do Ritmo - 147,7
8 - Os Feras - 147,7
9 - Kambalacho do Ritmo - 147,6
10 - Os Vampiros - 147,2
11 - Os Brasinhas - 147
12- Originais do Ritmo - 146,7
13 - Os Curingas - 146
14 - Os Guerreiros do Ritmo - 145,9
15 - Os Gladiadores - 144,9

BLOCOS TRADICIONAIS GRUPO B
1 - Os Imbatíveis - 149,9
2 - Os Diplomáticos - 149,8
3 - Vinagreira Show - 149,1
4 - Dragões da Liberdade - 148,2
5 - Os Gaviões do Ritmo - 148
6 - Os Guardiões - 147,9
7 - Os Trapalhões - 147,6
8 - Os Diferenciados do Ritmo - 147,3
9 - Companhia do Ritmo - 147,1
10 - Fênix - 146,6
11 - Os Inacreditáveis - 146,5
12 - Príncipe da Meia Noite - 144,1
13 - Os Vingadores - 143,6
14 - Renovação do Ritmo - 143,3

BLOCOS ORGANIZADOS
1 - Dragões da Madre Deus - 100
2 - Unidos da Vila Isabel - 96,30
3 - Turma do Saco - 94,50
4 - Os Liberais - 92,90
5 - Pau Brasil - 92
6 - Beatos do Samba - 84,5
7 - Unidos da Vila Embratel II - 82,7
8 - Os Cobras das Estrelas - 76,9
9 - Canto Quente - 76,5

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem