agencia

Notícias

Segunda-feira, 15/04/2019 - 15h30

Prefeitura de São Luis trabalha em diversas regiões com ações de drenagem, limpeza de galerias e recuperação asfáltica

Sob orientação do prefeito Edivaldo, equipes da Semosp realizam obras para reduzir transtornos ocasionados por intensas chuvas na cidade

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Equipes da Prefeitura limpam bueiros e removem pontos de alagamentos na capital

As frentes de serviços criadas pela Prefeitura de São Luís visando qualificar o sistema de drenagem urbana da capital e, assim, prevenir pontos de acúmulo de água, estão atuando em diversas regiões da cidade para reduzir os transtornos causados pelas fortes chuvas desde o início do ano. Esta é uma das prioridades da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior quem vem trabalho na melhoria do sistema de drenagem de São Luís e já contabiliza , nos últimos anos, a implantação de cerca de 40 quilômetros de rede de drenagem beneficiando regiões como Vila Apaco, Cohab/Cohatrac, Santa Clara, Vila Riod, Parque dos Sabiás, na Forquilha, Vila Isabel e Tirirical, entre outras. 

"São essas obras imperceptíveis aos olhos no dia a dia do cidadão que evitam grandes transtornos para a cidade. Em São Luís, onde estamos enfrentando fortes chuvas, com volume de água que supera médias históricas, conseguimos, graças aos investimentos na construção de sistema de escoamento de águas pluviais, dar solução a pontos de inundações que antes eram críticos e que pareciam não ter solução", afirmou o prefeito Edivaldo, ao analisar a redução dos casos de acúmulo de água pontuais que ocorriam na capital no período chuvoso.

A Prefeitura também realiza, diariamente, serviços de limpeza de galerias e de requalificação asfáltica em dezenas de trechos da cidade, para melhorar a trafegabilidade nesses locais. Nesta segunda-feira (15) áreas como Turu, Centro, Cohama, Cohab, Anjo da Guarda, Anil, Bequimão e Cohatrac receberam equipes do município.O trabalho preventivo é realizado diariamente, atendendo a um cronograma permanente de ações realizadas o ano todo, sob a coordenação da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), com o objetivo de garantir maior fluidez ao sistema de drenagem da cidade.

Só neste mês de abril os serviços de limpeza e desobstrução de canal natural beneficiaram as regiões do Coroado, São Bernardo, Baixão - Jardim São Cristóvão 2, Anil e Renascença. A Semosp segue trabalhando também com a desobstrução de bueiros e galerias na Rua 18 de Novembro, no Centro; nos elevados da Cohab e Cohama; na Praça Maria Aragão, entre outros. Nesses locais a limpeza dos dispositivos de drenagem foi realizada de forma manual e com auxílio de caminhão de hidrojateamento, que consiste na aplicação de um jato de água que remove a sujeira presente nas galerias.

"Com orientação do prefeito Edivaldo, continuamos executando ações para melhoria da infraestrutura da cidade que garantem a mobilidade urbana, saúde e qualidade de vida da população", disse o secretário de Obras e Serviços Públicos, Antonio Araújo.

 

Frentes de serviços atuam nos bairros para evitar transtornos decorrentes das chuvas

Nesta segunda-feira (15), a Prefeitura intensificou o trabalho preventivo em trechos do canal do Rio Gangan, nas imediações da ponte Pai Inácio, no Turu; em galerias nas proximidades da Praça Maria Aragão, assim como também na Rua 18 de Novembro, no Canto da Fabril. Nesses pontos foram executados serviços de limpeza mecanizada para retirada de resíduos depositados irregularmente na via pública. A Semosp também iniciou serviços de contenção da erosão em trecho da Estrada do Mato Grosso, na zona rural da capital.

O trecho nas imediações da Ponte Pai Inácio, que recebeu serviços de limpeza e desobstrução, era um desses pontos onde aconteciam inundações recorrentes. Com a construção da ponte e as intervenções de melhoria do sistema de drenagem no local, eliminou-se o problema que afetava moradores da região.

Que o diga a dona de casa Marisa Aguiar de Freitas, de 39 anos, moradora das imediações da ponte Pai Inácio. "Vivíamos uma situação lamentável aqui em todo período chuvoso. Depois que fizeram esse serviço aqui nunca mais tivemos alagamentos", disse ela.

As ações para a desobstrução dos canais e galerias contam com a mobilização de grande aparato, com máquinas retroescavadeiras e caminhões hidrojato – um sistema que suga dos locais mais difíceis o resíduo descartado dentro dos dispositivos da rede de escoamento das águas.

REQUALIFICAÇÃO ASFÁLTICA

Frentes de trabalho também atua na manutenção asfáltica

Além do trabalho para melhoria do escoamento na rede de drenagem local, a Semosp também realizou, nesta segunda-feira (15), obras de requalificação asfáltica em trechos da Avenida dos Africanos, do bairro Anjo da Guarda (circuito Via Sacra e adjacências), na Avenida Joaquim Mochel, no Cohatrac, entre outros setores da cidade. O serviço visa garantir melhor trafegabilidade nas vias de grande fluxo e que também sentem os reflexos das fortes chuvas.

Este tem sido um dos anos como maior volume de chuva dos últimos tempos. O mês de março, por exemplo, registrou cerca de 800 mm, superando a média histórica. Este mês de abril, até segunda-feira (15), o acúmulo de chuva já superou 385 mm em alguns pontos da cidade, segundo o Laboratório de Meteorologia da Uema. E a previsão é de mais chuvas ao longo do mês. 

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem