agencia

Notícias

Sábado, 03/08/2019 - 10h00

Terceira parcela do IPTU São Luís 2019 vence na próxima quarta-feira (7)

Os contribuintes já podem acessar o site da Secretaria Municipal da Fazenda (Semfaz) para emitir o boleto e efetuar o pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU)

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Terceira parcela do IPTU São Luís 2019 vence na próxima quarta-feira (7)Os dados para pagamento da terceira parcela do Imposto Predial e Territorial Urbano – IPTU 2019, já estão disponíveis no portal da Secretaria Municipal da Fazenda (Semfaz), no endereço eletrônico www.semfaz.saoluis.ma.gov.br. Com vencimento previsto para a próxima quarta-feira (7), os contribuintes já podem acessar o site da Semfaz para emitir o boleto e efetuar o pagamento.

Em casos de parcelas em atraso, o contribuinte poderá emitir os boletos vencidos, com acréscimos de juros e multas e quitar o tributo. O IPTU é um dos principais impostos cobrados pela municipalidade. O tributo é revertido em diversas áreas, desde infraestrutura à limpeza urbana, dentre outras.

Este ano, a gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior modificou o lançamento da cobrança, que passou a ser disponibilizada apenas em meio digital. Mudança que contou com ampla divulgação na imprensa e um longo prazo desde a disponibilização dos dados do imposto no portal da Semfaz até o vencimento da cota única e da primeira parcela.

Para o secretário municipal da Fazenda, Delcio Rodrigues, a inovação trouxe bons resultados para o município, visto que a Prefeitura investia milhões com o processo de emissão e envio dos carnês. "A iniciativa do IPTU digital representou economia para o município e foi bem aceita pelos cidadãos", afirma o titular da pasta.

A aposentada Joana Silva Santos, proprietária de três imóveis, emite todos os meses, os boletos do imposto pelo portal da Semfaz e achou que a mudança foi muito positiva. "Agora eu não preciso mais me preocupar com carnês, porque emito do meu computador de casa", explicou.

O empresário Marcelo Alves, que tem diversos pontos alugados e precisa pagar o imposto de cada um dos seus estabelecimentos, achou que a mudança veio facilitar a vida do contribuinte. "Não preciso me preocupar com atrasos na entrega dos carnês. Em poucos minutos, acesso o site, emito os boletos e pago pelo aplicativo do Banco do Brasil. Acredito que tudo que vem para facilitar a vida das pessoas é benéfico", disse.

Ao emitir o boleto, o contribuinte deve ficar atento à opção de marcar a data de vencimento do imposto para o dia 7 de agosto, e também para as formas de pagamento especificadas em cada um dos boletos.

EMISSÃO IPTU 2019

Para emitir o documento, o cidadão deve acessar o endereço eletrônico da Semfaz (www.semfaz.saoluis.ma.gov.br) e buscar o item IPTU ou o banner rotativo. Caso precise recuperar a inscrição imobiliária do imóvel, deve verificar os carnês antigos do IPTU. Caso o cidadão não tenha um carnê antigo e nem CPF/CNPJ cadastrado no sistema, o mesmo deverá se deslocar ao setor de Atendimento da Semfaz, para solicitar a recuperação da inscrição imobiliária e/ou incluir CPF/CNPJ no cadastro.

O contribuinte que tiver dificuldades para emitir o boleto do imposto no portal do IPTU, poderá se dirigir ao Atendimento da Semfaz e solicitar a guia para pagamento, que poderá ser feito conforme especificado no documento.

ISENÇÃO IPTU 2019

O contribuinte terá direito à isenção do IPTU 2019 caso possua um único imóvel residencial, nele resida e cujo valor venal seja de até R$ 53.500,00. Para solicitar isenção, o contribuinte deverá entrar com o pedido no setor de Protocolo da Semfaz, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, no setor de atendimento do órgão.

FORMAS DE PAGAMENTO

Para contribuintes com CPF ou CNPJ vinculado ao cadastro, o pagamento poderá ser efetuado em qualquer agência bancária. Já os contribuintes sem CPF ou CNPJ vinculado ao cadastro podem realizar o pagamento nos canais de autoatendimento – caixa eletrônico, ou pelo aplicativo do Banco do Brasil. Lembrando também que o imposto poderá ser pago nos caixas eletrônicos do Banco do Brasil, nos canais de autoatendimento, com cartões de outras instituições financeiras.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem