agencia

Notícias

Segunda-feira, 10/02/2020 - 17h46

Prefeitura de São Luís e Governo do Estado promovem oficina de empreendedorismo para mulheres

Evento ocorre na terça (11) e quarta-feira (12) no bairro Fé em Deus e integra o programa Ela Pode, da Rede de Mulher Empreendedora com apoio do Google; ação é parte da política de atenção às mulheres da gestão do prefeito Edivaldo

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura de São Luís e Governo do Estado promovem oficina de empreendedorismo para mulheresA Prefeitura de São Luís, por meio da Coordenadoria Municipal da Mulher inicia, nesta terça-feira (11), no Centro de Iniciação ao Trabalho, na Praça Negro Cosme (Avenida IV Centenário – Fé em Deus), das 14h às 18h, a oficina Empreendedorismo para Mulheres, do programa Ela Pode, integrante da Rede de Mulher Empreendedora com apoio do Google. Com inscrições gratuitas, a capacitação é uma parceria com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Trabalho e Economia Solidária (Setres); Secretaria de Estado da Igualdade Racial (Seir); e Secretaria de Estado da Mulher (Semu). A ação é parte da política de atenção às mulheres da gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior.

A oficina será ministrada pela multiplicadora Karina Muniz, da Setres, e segue até quarta-feira (12). Podem participar mulheres com idade a partir dos 16 anos e não somente aqueles que estão empreendendo, mas as que estão ainda em planos ou que se encontram no mercado de trabalho. A capacitação trabalha na perspectiva de melhorar a vida das mulheres de maneira geral, para que elas possam realizar seu sonho de empreender.

O programa Ela Pode foi trazido para o estado do Maranhão pela Coordenadoria Municipal da Mulher. A partir daí, foram firmadas ações com a Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas) e com as secretarias de Estado da Mulher; de Trabalho e Economia Solidária. No ano passado foram realizadas sete etapas de capacitações. Pela Coordenadoria Municipal da Mulher, em São Luís foram qualiicadas 470 mulheres.

“Nós nos qualificamos em São Paulo e indicamos a capacitação de parceiros em Recife. Este trabalho terá continuidade este ano. Já temos marcadas algumas capacitações direcionadas para as mulheres, principalmente aquelas em situação de vulnerabilidade econômica e social”, frisa a coordenadora municipal da Mulher, Vânia Albuquerque.

A capacitação é ampla, com recortes da política para as mulheres. Dentre estes estão transferências de orientações para o enfrentamento da violência e desempenho na economia solidária. “A ideia é capacitar essas mulheres em áreas, detectadas por pesquisas, em que elas apresentam mais dificuldades. São áreas em que são utilizadas ferramentas digitais, finanças, comunicação. E outras que o Instituto Rede Mulher Empreendedora pesquisou e apontou que apresentam dificuldades de assimilação e desempenho”, explica Vânia Albuquerque.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem