agencia

Notícias

Terça-feira, 07/04/2020 - 08h05

Prefeitura de São Luís inclui álcool em gel, água e sabão em carros coletores para que agentes de limpeza possam higienizar as mãos

Considerado serviço essencial, limpeza urbana teve de se readequar aos tempos de pandemia; ação soma-se a outras implantadas pela Prefeitura no combate ao novo coronavírus

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura fornece álcool em gel, água e sabão para que agentes de limpeza possam manter as mãos higienizadasÉ determinação da gestão municipal que todos os órgãos da Prefeitura de São Luís adotem medidas para prevenir o contágio pelo novo coronavírus (Covid-19) entre os servidores públicos municipais, garantindo também que a população permaneça segura durante a prestação dos serviços. Na Limpeza Urbana, serviço essencial que segue sendo prestado diariamente, além do equipamento de proteção individual diário, os agentes de limpeza recebem álcool em gel a 70% e os caminhões de coleta agora contam com água, sabão e papel toalha para que eles possam manter a higiene das mãos, entre outras medidas de prevenção.

O prefeito Edivaldo destacou que os serviços essenciais não podem ser interrompidos, por isso, foram redobrados os cuidados para garantir a saúde destes profissionais. “Os profissionais de áreas como saúde, segurança, trânsito e transportes, limpeza urbana e outros não podem parar, pois garantem o funcionamento e organização da cidade, e o atendimento às necessidades da população. Por isso, neste momento de crise precisamos ampliar os cuidados com a prevenção em saúde. Todas as medidas necessárias estão sendo tomadas como o fornecimento de álcool em gel para que eles possam manter sua higiene, podendo trabalhar com a certeza de que estão protegidos e que retornarão para casa sem oferecer riscos à sua família”, disse o gestor público.

Na limpeza, os caminhões da coleta domiciliar foram equipados com tanques de água, sabão e papel toalha para que os agentes possam manter as mãos sempre higienizadas. Para quem trabalha na capina e roçagem foi montada uma estrutura com um carrinho onde são transportados água e sabão, além de álcool em gel a 70%.

Os veículos onde os profissionais da limpeza são transportados estão sendo higienizados a cada troca de turno, cerca de três vezes por dia. O mesmo está sendo feito com os caminhões da coleta, máquinas de remoção mecanizada, caçambas e outros maquinários e equipamentos usados diariamente para a execução dos serviços. Além disso, os agentes são orientados a evitarem o contato próximo com outras pessoas durante o expediente.

A presidente do Comitê Gestor de Limpeza Urbana, Carolina Moraes Estrela, afirmou que garantir a saúde dos agentes de limpeza urbana é fundamental para que não haja prejuízos na prestação dos serviços. “Neste momento em que todos nós estamos preocupados com a nossa saúde, adotando o isolamento domiciliar, se possível, os agentes de limpeza urbana estão sendo demandados ainda mais. Por isso, precisamos preservar a saúde destes profissionais, evitando que eles se encontrem em situação de risco para a Covid-19. Esta é uma forma de reconhecer a importância dessas pessoas e também de garantir que este serviço continue sendo prestado sem qualquer transtorno diariamente”, disse.

ORIENTAÇÕES À POPULAÇÃO

Mas não são apenas os agentes de limpeza que precisam ficar atentos para se proteger da Covid-19. A população também precisa de adequar para garantir que os resíduos domésticos não sejam contaminados. A Prefeitura informa que no caso dos resíduos gerados por pacientes em isolamento domiciliar ou por quem lhe presta assistência, em caso suspeito ou confirmado de infecção pelo novo coronavírus (Covid-19), os resíduos devem ser separados, colocados em sacos de lixo resistentes e descartáveis, fechados com lacre ou nó e não ocupar mais que 2/3 de sua capacidade.

Após isto, o primeiro saco deve ser colocado em um segundo saco limpo, resistente e descartável, de modo que os resíduos fiquem acondicionados em sacos duplos, de modo a não causar contaminação ou consequências ao agente de limpeza urbana e para o meio ambiente. Somente após estes procedimentos o resíduos podem ser encaminhados para a coleta.

No caso dos condomínios, além de todas estas recomendações, devem ser reforçados os cuidados com o funcionário responsável pela coleta dos resíduos nas unidades domiciliares, que deve usar máscara e luva.

SERVIÇOS ALTERADOS

Além disso, a Prefeitura de São Luís alterou a rotina dos serviços de limpeza urbana em mais uma ação de controle do novo coronavírus. A coleta domiciliar passou a contar com cuidados extras, a coleta seletiva está suspensa por tempo indeterminado e os Ecopontos estão recebendo apenas os resíduos de podas, volumosos e entulhos.

A recomendação é que o cidadão acondicione os recicláveis (papel/papelão, plásticos, metais e vidros) em casa para recolhimento por meio da coleta seletiva por agendamento ou recebimento nos Ecopontos assim que for possível retomar estes serviços.

A suspensão do recolhimento dos materiais recicláveis é necessária porque este resíduo é encaminhado pela Prefeitura de São Luís para as cooperativas de catadores de materiais recicláveis. Nestas entidades a separação do material é feita de forma manual. Caso tenha algum material contaminado, pode haver transmissão da Covid-19 para os cooperativados.

Os demais serviços de limpeza urbana como capina, roçada e varrição continuam sendo prestados diariamente sem alterações assim como os serviços de remoção manual e mecanizada nos pontos de descarte irregular.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem