agencia

Notícias

Segunda-feira, 11/05/2020 - 11h45

Prefeitura de São Luís mantém ação para intensificar medidas de isolamento social e fiscalizar rodízio de veículos

Medida reforça as normas do lockdown para diminuir o fluxo no trânsito e de pessoas nas ruas, no comércio e serviços não essenciais na capital como forma de reduzir a transmissão da Covid-19

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Prefeitura de São Luís mantém plano de ação para intensificar medidas de isolamento social e fiscalizar rodízio de veículosA Prefeitura de São Luís, atuando em conjunto com o Governo do Estado, pôs em execução, desde as primeiras horas de segunda-feira (11), a fiscalização das medidas de restrição ao tráfego na capital, com o rodízio de veículos particulares, de acordo com o número final das placas. A medida reforça as normas do lockdown, que desde o último dia 05 vêm contribuindo para diminuir o fluxo no trânsito e de pessoas nas ruas, no comércio e serviços não essenciais. As ações têm como objetivo reduzir a curva de contaminação da Covid-19. 

A Medida Provisória do Governo do Estado - Nº 313 de 08 de maio de 2020 - determina que na segunda-feira (11) e quarta-feira (13) circulam apenas os veículos de placa com terminação ímpar, enquanto na terça (12) e quinta-feira (14), os de terminação par. As barreiras foram montadas em vários pontos da cidade, principalmente nos grandes corredores de trânsito, como a Avenida Castelo Branco, na cabeceira da Ponte do São Francisco); Avenida Carlos Cunha, no bairro Jaracati, próximo à Ponte Bandeira Tribuzzi; Avenida Daniel de La Touche, próximo ao retorno do Olho d’Água/Caolho, que dá acesso a bairros como Parque Shalom e Cohama.

Equipes de trânsito também estiveram na Avenida 203, na Cidade Operária, um dos bairros de grande concentração populacional da cidade; Avenida dos Portugueses, na entrada da Barragem do Bacanga, que dá acesso à Área Itaqui-Bacanga, também uma das regiões de maior agrupamento populacional da Ilha; e também a Avenida Guajajaras, que dá acesso à saída da cidade pela BR-135 e também a bairros como São Cristóvão, Planalto Pingão e Forquilha.

AUTORIZADOS

Entre os veículos que estão fora do rodízio por desempenhar serviço considerado essencial estão ambulâncias, viaturas das polícias Polícia Civil e Militar, Corpo de Bombeiros, Forças Armadas, veículos que prestam serviços para a rede hospitalar pública e privada, hospitais e laboratórios, Blitz Urbana, Guarda Municipal, Defesa Civil e Conselhos Tutelares, caminhões guinchos e veículos da vigilância privada utilizados no transporte de valores, transporte coletivo e de lotação que estejam autorizados a operar, táxis e mototáxis, fiscalização ambiental, defesa do consumidor, Vigilância Sanitária, saneamento básico, coleta de lixo e de serviços como iluminação pública, gás e combustíveis, telecomunicações, serviços postais e internet, além de veículos oficiais do Executivo, Legislativo e Judiciários, carros funerários e imprensa, entre outros determinados em decreto oficial.

LOCKDOWN

Na capital, conforme a estratégia adotada pela gestão do prefeito Edivaldo Holanda Junior, estão sendo realizadas operações de fiscalização em vários pontos da cidade, por uma força-tarefa composta por agentes da Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT); Guarda Municipal, órgão da Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania (Semusc); Blitz Urbana, ligada à Secretaria Municipal de Habitação e Urbanismo (Semuhr); e Secretaria de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa).

“A Guarda Municipal atua, durante o lockdown, na fiscalização dos espaços públicos e ordenamento das feiras e mercados públicos, assim como nos logradouros da região do Centro como praças, Mercado Central e Terminal de Integração. A Defesa Civil faz rondas e orientações nas áreas de risco, coibindo aglomerações, dissuadindo reuniões, além do trabalho de monitoramento, que é constante. Nas praias, os salva-vidas continuarão fazendo o trabalho de conscientização para cumprimento do decreto de lockdown nas praias do Olho d’Água e Ponta d’Areia”, disse o secretário Héryco Coqueiro, Semusc.

Nesta segunda-feira (11), as equipes da Blitz Urbana concentraram os trabalhos de fiscalização de estabelecimentos comerciais e atividades afins na região da Cohama e adjacências, ao longo da Avenida Daniel de La Touche, e também bairros como Parque Atenas e trechos da Avenida dos Holandeses e Avenida Litorânea, sem nenhuma ocorrência de maior relevância relatada pelas equipes. Entre os locais que foram fiscalizados no último fim de semana estão Feira da Macaúba, Bairro de Fátima, São Francisco, Vicente Fialho e Angelim.

A ação tem registrado resultados positivos. Além do trânsito, foi restringida a movimentação de ônibus do transporte coletivo de São Luís. Com isso, a frota da capital foi reduzida, para cerca de 50% do total, o equivalente ao quantitativo que opera geralmente nos domingos e feriados. Com a medida, houve redução no número de usuários do transporte coletivo de cerca de 85% e o trânsito de veículos nas principias vias da capital já havia sido reduzido em 60%. Com o rodízio espera-se uma redução ainda maior. 

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem