agencia

Notícias

Atualizado em 15/04/2015 às 15h10

Prefeitura e Banco Mundial vistoriam obras do Programa Bacia do Bacanga

A- A+ Tamanho da Letra
Da Redação - Agência São Luís

Programa Bacia do Bacanga neste momento realiza quatro grandes obras na margem direita da baciaA Prefeitura de São Luís recebeu a visita do consultor de engenharia do Banco Mundial (Bird), Paulo Fantini, que realizou com o secretário municipal de Projetos Especiais (Sempe), Gustavo Marques nesta quarta-feira (15) visitas de supervisão das obras que fazem parte do escopo do Programa Bacia do Bacanga. Esta foi uma visita de rotina do Bird, para acompanhamento do programa, que neste momento realiza quatro grandes obras na margem direita da bacia, contemplando os bairros do Coroadinho, Salinas do Sacavém, Coroado e bairros adjacentes.

O secretário da Sempe, Gustavo Marques, disse que a equipe da secretaria tem se dedicado ao máximo para o cumprimento das determinações do prefeito Edivaldo, que visam trazer melhoria e qualidade de vida para população. "Estamos empenhados na conclusão das obras do Programa Bacia do Bacanga, que trarão impactos positivos a essa população carente da nossa cidade", destacou o secretário.

Foram visitadas a obra de ampliação e revitalização do Canal do Rio das Bicas, os trechos localizados entre a Rua São Pedro até a Avenida Vicente Queiroga. Esta área totaliza, aproximadamente, dois quilômetros de extensão. No local estão sendo realizados trabalhos de execução de galerias tubulares de concreto armado e demais dispositivos de microdrenagem para evitar alagamentos, que são comuns nessa região.

Outra obra vistoriada foi a da construção das 33 unidades habitacionais nas proximidades do canal, que irão abrigar as famílias diretamente impactadas pela obra e que viviam em uma situação insalubre e de risco à margem do canal do Rio das Bicas. "Essas novas habitações trarão melhorias significativas para os moradores, como mais dignidade e segurança", explicou o engenheiro da Sempe, Roberto Sousa.

Ele afirmou que após a conclusão do canal, a Prefeitura fará obras de pavimentação no entorno, para melhorar o acesso dos moradores e facilitar a vida das famílias residentes na área.

A obra do Parque Rio das Bicas contempla a construção de dez praças, pista de skate, playground, academia aberta, quadra de esportes e outros espaços de lazer e recreação para os moradores da região. "Essas obras chegaram em boa hora, pois a nossa comunidade era carente dessas ações", disse a dona de casa Ana Maria, moradora do Salinas do Sacavém. "Muitas ruas ainda possuem melhorias a serem realizadas, mas a realidade de hoje é bem melhor do que a de anos atrás", completou.

A secretaria de Projetos Especiais também trabalha em parceria com outras secretarias, com obras de contrapartida. Uma delas é a obra de construção da Praça do CEU, que possuirá, após sua conclusão, um Centro Cultural com um auditório para 120 lugares, praça de eventos, salas de exposições, espaço para cursos e oficinas, um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS), quadra poliesportiva coberta, pista de skate, playground, área para jogos de tabuleiro e caminhada.

As obras do Programa Bacia do Bacanga, visitadas pela equipe da Prefeitura e pelo consultor do Banco Mundial, devem ser concluídas até o final de outubro desse ano.

             Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem